Solidariedade com os militantes políticos colombianos presos e em greve de fome

Achou esta informação importante? Compartilhe em suas redes sociais:

Leia também:
→ Toda Solidariedade ao Juiz Hugo Cavalcanti Melo Filho!


Nota da Frente Povo Sem Medo em solidariedade aos militantes das FARC-EP, ainda presos pelo governo da Colômbia.

A democracia no continente latino-americano sofre a cada dia mais ataques. Os posicionamentos cada vez mais autoritários dos grupos de direita no Brasil, Argentina, Venezuela e outros países demonstram o total desinteresse das elites com a participação popular e os mecanismos democráticos.

Mesmo assim, no dia 27 de junho deste ano, as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – Exército do Povo (FARC-EP) deram mais um voto de confiança na luta por vias democráticas. A guerrilha completou 100% da entrega de suas armas à ONU, um passo decisivo para se converter em um movimento político civil.

Infelizmente, o governo colombiano de Juan Manuel Santos não respondeu com a mesma moeda. O Estado mantém encarcerados mais de 2.700 militantes que já deviam estar anistiados. Apenas 800 desses militantes presos foram liberados até o momento.

Por isso, 1.400 presos das FARC-EP entraram em greve de fome, desde 27 de junho, para exigir o cumprimento do acordo e as suas liberdades. Soma-se a eles o comandante Jesús Santrich, um dos ex-guerrilheiros que estiveram na Mesa de Negociações com o governo desde 2012.

Em respaldo à decisão das FARC-EP de deixar as armas e lançar-se à luta política democrática; e reconhecendo que, para que isso se efetive, o governo colombiano tem de cumprir sua parte do acordo; manifestamos nossa total solidariedade com os militantes presos em greve de fome e pedimos solução imediata da situação.

Brasil,
4 de julho de 2017,
Povo Sem Medo


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Postagens Relacionadas

Achou esta informação importante? Compartilhe em suas redes sociais:

*

Top