Marque os senadores que nunca mais terão o voto da classe trabalhadora

Senadores que nunca mais terão o voto da classe trabalhadora

Saiba mais:
 Senado afronta o povo brasileiro e vota fim dos direitos trabalhistas. Inaceitável!
 Rodrigo Maia reconhece que acordo para amenizar reforma trabalhista nunca existiu


Os 50 senadores que apunhalaram a classe trabalhadora e aprovaram o desmonte da legislação trabalhista (PLC 38) nesta terça-feira (11/07) precisam ser amplamente conhecidos, ter seus nomes e rostos pendurados nos postes e geladeiras, conclama Edson Carneiro Índio, secretário-geral da Intersindical Central da Classe Trabalhadora.

“Não vamos aceitar essa reforma trabalhista. Vamos seguir nos mobilizando. Cada estado deve pressionar seu senador e deputado que votou contra os trabalhadores e trabalhadoras do Brasil”, diz Índio. “O Congresso e o Temer não têm legitimidade para levar adiante esse golpe de morte contra o povo”.

Clique aqui e acesse o contato dos senadores em exercício.

TRAIDORES QUE VOTARAM SIM

Aécio Neves (PSDB)

Airton Sandoval (PMDB)

Ana Amélia (PP)

Antonio Anastasia (PSDB)

Armando Monteiro (PTB)

Ataídes Oliveira (PSDB)

Bendito de Lira (PP)

Cássio Cunha Lima (PSDB)

Cidinho Santos (PR)

Ciro Nogueira (PP)

Cristovam Buarque (PP)

Dalírio Baber (PSDB)

Dário Berger (PMDB)

Davi Alcolumbre (DEM)

Edison Lobão (PMDB)

Eduardo Lopes (PRB)

Elmano Férrer (PMDB)

Fernando Coêlho (PSB)

Flexa Ribeiro (PSDB)

Garibaldi Alves Filho (PMDB)

Gladson Cameli (PP)

Ivo Cassol (PP)

Jader Barbalho (PMDB)

João Alberto Souza (PMDB)

José Agripino (DEM)

José Maranhão (PMDB)

José Medeiros (PSD)

José Serra (PSDB)

Lasier Martins (PSD)

Magno Malta (PR)

Marta Suplicy (PMDB)

Omar Aziz (PSD)

Paulo Bauer (PSDB)

Pedro Chaves (PSC)

Raimundo Lira (PMDB)

Ricardo Ferraço (PSDB)

Roberto Muniz (PP)

Roberto Rocha (PSB)

Romero Jucá (PMDB)

Ronaldo Caiado (DEM)

Rose de Freitas (PMDB)

Sérgio Petecão (PSD)

Simone Tebet (PMDB)

Tasso Jereissati (PSDB)

Valdir Raupp (PMDB)

Vicentinho Alves ( PR)

Waldemar Moka (PMDB)

Wellington Fagundes (PR)

Wilder Morais (PP)

Zezé Perrella (PMDB)

SENADORES QUE VOTARAM NÃO

Álvaro Dias (Podemos)

Ângela Portela (PDT)

Antonio Carlos Valadares (PSB)

Eduardo Amorim (PSDB)

Eduardo Braga (PMDB)

Fátima Bezerra (PT)

Fernando Collor (PTC)

Gleisi Hoffman (PT)

Humberto Costa (PT)

João Capiberibe (PSB)

Jorge Viana (PT)

José Pimentel (PT)

Kátia Abreu (PMDB)

Lídice da Mata (PSB)

Lindbergh Farias (PT)

Otto Alencar (PSD)

Paulo Paim (PT)

Paulo Rocha (PT)

Randolfe Rodrigues (Rede)

Regina Souza (PT)

Regufe

Renan Calheiros (PMDB)

Roberto Requião (PMDB)

Romário (Podemos)

Telmário Mota (PTB)

Vanessa Grazziotin (PCdoB)

 

Abstenção

Lúcia Vânia (PSB)

 

Ausentes

Acir Gurgacz (PDT-RO)

 Hélio José (PMDB-DF)

Maria do Carmo Alves (DEM-SE)


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

One Comment;

*

Top