Em Fortaleza, Sindifort marca presença na luta contra a reforma da Previdência

Em Fortaleza, Sindifort marca presença na luta contra a reforma da Previdência

Fortaleza marca presença na luta contra a reforma da Previdência

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

O Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) e a Intersindical – Central da Classe Trabalhadora participaram na manhã de hoje, segunda-feira, 19 de fevereiro, do Dia Nacional de Luta contra a reforma da Previdência.

Os sindicalistas começaram o dia com manifestação no aeroporto Pinto Martins durante embarque dos deputados para Brasília para pressioná-los a votar contra a reforma.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

A partir das 8h, integrantes do Sindifort e da Intersindical se somaram aos manifestantes que chegavam para o ato realizado no Centro de Fortaleza, com concentração na Praça Clóvis Beviláqua, ao lado da Faculdade de Direito da UFC, de onde os manifestantes saíram em caminhada por vias da cidade. Participam da manifestação vários sindicatos, centrais sindicais e as frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular. Os protestos chegaram a reunir, no momento de maior concentração, cerca de vinte mil manifestantes nas ruas do Centro de Fortaleza.

Campanha Salarial na rua

Além do protesto contra a reforma e pelo #ForaTemer, o Sindifort aproveita o ato para cobrar do prefeito Roberto Cláudio (PDT) o reajuste salarial. Embora as negociações com a Prefeitura já tenham começado, até o momento o Município não apresentou nenhuma proposta de reajuste. O Sindifort reivindica 9,42% de reajuste salarial.

Os servidores municipais estão há dois anos sem ter nem mesmo a reposição da inflação. Estudo feito pelo Sindifort mostra que de maio de 2008 a janeiro deste ano, os servidores municipais tiveram perdas salariais da ordem de 20%.

Outros pontos da pauta

Além do reajuste salarial, os servidores cobram mais verbas para o Instituto de Previdência do Município (IPM) e melhorias no atendimento à saúde.

Fonte: Sindifort


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Nilza, pela Intersindical, neste #24JForaBolsonaro na Paulista
Nilza, pela Intersindical, neste #24JForaBolsonaro na Paulista
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, neste #24JForaBolsonaro, na Paulista
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, neste #24JForaBolsonaro, na Paulista
Camila, das Brigadas Populares, no #24JForaBolsonaro na Paulista
Camila, das Brigadas Populares, no #24JForaBolsonaro na Paulista
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários