fbpx

“Deforma” da Previdência ataca quem mais precisa

"Deforma" da Previdência ataca quem mais precisa

DEFORMA da Previdência

Ao contrário do que diz a propaganda oficial, a proposta do governo prejudica sobretudo as pessoas mais pobres, como o trabalhador informal e o rural. O aumento no tempo de contribuição de 15 para 20 anos é cruel.

Milhões de pessoas não conseguem manter um emprego formal e fixo ao longo da vida. Ficam anos sem poder contribuir com o INSS. Hoje, essas pessoas se aposentam aos 65 anos se comprovarem 15 anos de contribuição. Só que, em média, 1 a cada 4 trabalhadores com idade para se aposentar não consegue comprovar os 15 anos de contribuição. Com o aumento para 20 anos, quantos mais trabalhadores serão excluídos?

Não tendo alternativas, esses milhões de pobres terão de recorrer ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). Mas, caso aprovada a “Deforma”, o valor do BPC vai cair de um salário mínimo para R$ 400.

Além disso, a média do benefício de quem consegue se aposentar no Regime Geral não chega a R$ 1.500. Esses “privilegiados” também serão afetados: idade mínima de 65 anos, 40 de contribuição para acessar o benefício integral e nova forma de cálculo, que passa a incluir os 20% mais salários baixos ao longo da vida, reduzindo o valor da aposentadoria.

Deforma da Previdência: Governo ataca a aposentadoria dos que mais precisam

Texto: Matheus Lobo


CLIQUE E ACOMPANHE A INTERSINDICAL NAS REDES

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top