fbpx

Banco do Brasil no litoral sul de SP é paralisado por quebrar acordo com trabalhadores da região

Banco do Brasil é paralisado no litoral sul de SP por quebrar acordo

O Sindicato dos Bancários de Santos e Região paralisou quatro agências do Banco do Brasil (BB) hoje, dia 14, das 8h ás 16h. Ou seja, durante todo o expediente: em Peruíbe (Av. Padre Anchieta, 1.200), outra em Itanhaém (Av. João Mariano, 220) e duas em Santos (rua Dom Pedro II, 49, Centro; e no Embaré, Av. Pedro Lessa, 1505).

O protesto é contra o desmonte do Banco do Brasil, pelo governo Temer, e a quebra do acordo com os bancários da Baixada Santista, visando entregar as vagas da região a pessoas indicadas pela diretoria do Banco do Brasil de outras cidades.

Nas unidades paralisadas existem vagas que devem servir para realocar principalmente os descomissionados da Baixada Santista.

O Banco do Brasil quebrou o Acordo com o Sindicato onde se comprometia a indicar funcionários da região, que haviam perdido seu comissionamento, após a reestruturação em 2016, para vagas abertas na Baixada Santista.

De acordo com o diretor do Sindicato e funcionário do BB, André Vasconcelos: o acordo foi ignorado a partir da indicação de funcionários de outras bases para vagas em nossa região.

“Este compromisso valia como garantia para reestruturações e movimentações futuras. Todo funcionário que perdeu o cargo seria priorizado para vaga na mesma função. Na época, muitas bases não se manifestaram sobre o corte de vagas, mas aqui foi diferente e lutamos até o recuo do Banco do Brasil. O Sindicato acompanhou cada movimento de recolocação, que foi cumprido pelo banco até agora”, relembra Eneida Koury, presidente do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e, também, funcionária do banco.

Em 2018, serão abertas diversas vagas nos escritórios denominados: Exclusivo e PJ. Porém, o compromisso está sendo quebrado pela Diretoria Sudeste que impõe uma nova regra: para concorrer a um cargo de gerente exige a lateralidade, ou seja, tem que ser gerente excluindo a ascensão de quem perdeu o comissionamento ou mesmo de quem nunca teve cargo em comissão. Ou ainda pior, ser descendente, as pessoas podem perder seus cargos. Com isso, o banco retira a oportunidade de quem perdeu ou não seu cargo e poderão existir indicações de todos os locais do Brasil, para vagas abertas na região.

Por isso, a diretoria do Sindicato convoca todos os bancários do Banco do Brasil da Baixada Santista para reunião dia 21/12/2017, às 19h, na Av. Washington Luiz, 140, para debater as medidas que serão tomadas.


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top