polícia militar

Na madrugada do dia 5/3 a PM de Minas Gerais executou covardemente, com um tiro na nuca, o companheiro Daniquel Oliveira dos Santos.

Nesta semana conversamos com Amauri Soares, da Direção Nacional da Intersindical e Policial Militar da Reserva, sobre a intenção do governo Bolsonaro em aprovar o excludente de ilicitude (ou ‘licença para matar livremente’), ameaças de AI5 e segurança pública em tempos de bolsonarismo.

Lula está preso há mais de um ano em processo que não transitou em julgado. O Supremo Tribunal Federal ainda não decidiu de forma definitiva se é legal ou não a prisão com decisão em segunda instância quando a liberdade do réu não põe em risco nem a sociedade e nem o processo.

Intervenção militar na greve dos petroleiros! Em uma ação de violação do direito de greve dos trabalhadores, militares do exército ocuparam, com ajuda de Policiais Militares, a Refinaria Henrique Lage (REVAP) localizada em São José dos Campos, Vale do Paraíba (SP) nesta manhã de quarta-feira (30).

O caso da execução da vereadora Marielle Franco, no último dia 14, trouxe à tona a discussão sobre segurança pública e o mercado de armas e munições no Brasil. Para compreender melhor este cenário, a INTERSINDICAL conversou Amauri Soares, Policial Militar da reserva pelo estado de Santa Catarina e membro da Executiva Nacional da central.

O MST no estado do Rio Grande do Sul denunciou, através de um comunicado, a injustiça cometida pelo Tribunal de Justiça ao conceder, em caráter liminar, liberdade ao policial que assassinou o trabalhador Sem Terra Elton Brum, em 2009.

45 famílias de pescadores da Comunidade de Canabrava, em Buritizeiros, no norte de Minas Gerais estão sendo ameaçadas neste momento por jagunços de fazendeiros e PM. Há risco iminente de conflito!

Morto por um policial militar há uma semana, o carroceiro Ricardo Silva Nascimento, de 39 anos, fazia parte de uma categoria que maneja 100% de todo o material reciclável de São Paulo.

Ponte Jornalismo revela norma sigilosa que autoriza Polícia Militar a filmar protestos e armazenar informações sobre manifestantes.

A porta da Amanco/Mexichem, em Sumaré, amanheceu várias viaturas da Polícia Militar e Guarda Civíl Municipal, acionadas pela empresa para tenta intimidar os/as trabalhadores/as que desde o dia 2/5 mantém uma greve em defesa da pauta de reivindicações que foi entregue à empresa na semana passada pelo sindicato Químicos Unificados.

De acordo com o Relatório Anual de Prestação de Contas da Ouvidoria da Polícia de São Paulo, publicado na semana passada, as denúncias de abusos cometidos por policiais civis e militares subiram 78,3% entre 2015 e 2016 no estado. No ano passado, foram 947 denúncias, contra 531, em 2015.

Nós somos moradores das ocupações Nelson Mandela, Vila Paula, Itayu, Joana D`Arc e Capadócia, aqui de Campinas. Nesse dia 9 março, saímos das ocupações de madrugada e ocupamos o largo do Rosário, no centro de Campinas. Somos mulheres, homens, idosos, estudantes, vendedores, empregados domésticos, eletricistas, enfim, trabalhadores e trabalhadoras que decidiram ocupar o centro da cidade para exigir apenas uma coisa: nosso direito à moradia! Um direito negado constantemente pelo poder público.

O dia 21 de fevereiro de 2017 ficará marcado como um dia de total descontrole do Estado de Pernambuco no que diz respeito à Segurança Pública. Se a população assistiu horrorizada os desdobramentos do assalto milionário a uma empresa de segurança pela manhã, não foi menos desesperador o campo de guerra criado pela polícia durante a tarde em frente a Companhia Estadual de Habitação de Obras de Pernambuco (CEHAB), no bairro de Campo Grande.

O MUSPE (Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais) vem a público se manifestar sobre o adiamento da sessão de amanhã, que colocaria em pauta a privatização da CEDAE. Embora a votação tenha sido suspensa, a manifestação marcada para amanhã, às 10h, na ALERJ, está mantida. E o ato é para toda a população do Estado do Rio de Janeiro. As esposas de diversos policiais militares já confirmaram presença.

Uma análise aprofundada, realizada pelo economista, mestre em Política Social e Assessor econômico do Sindipublicos Sammer Siman, das contas estaduais, desmente em sete pontos o discurso do governo e revela que o Estado tem capacidade financeira para concessão da revisão geral anual aos servidores, conforme determina a Constituição Federal. Confira abaixo artigo sobre o assunto. Entre as mentiras, diferente do que revelam que a crise e a tragédia da Samarco ‘quebrou’ o Estado, em 2016 o governo teve um orçamento total de R$17,258 bilhões e um superávit de R$782.544 milhões.

Saiba mais: → Sammer Siman: Estudo revela que Espírito Santo tem capacidade financeira para conceder revisão aos servidores → Nota das Brigadas Populares sobre a crise da segurança pública no Espírito Santo → Amauri Soares declara a apoio aos PM’s e Bombeiros do Espírito Santo O Sindipúblicos vem repudiar a entrevista mentirosa e vitimizadora concedida por Paulo Hartung …

Nota Pública: Hartung mente em entrevista à Globonews Leia mais »

Sufocados pela política econômica de Paulo Hartung, que concede mais de 4,5 bilhões de reais em isenções fiscais inconstitucionais a grandes empresas, enquanto corta do orçamento recursos destinados à serviços básicos, como saúde e educação, além de arrochar as condições de trabalho do funcionalismo público tendo como justificativa a falsa necessidade de ajuste fiscal sem limites para o Estado, desde sábado (04/02) policiais militares do ES, suas mulheres e demais familiares iniciaram um movimento por melhores condições de trabalho para a categoria, impedindo o policiamento ostensivo da PM em todas as regiões do Espírito Santo. Na prática, trata-se de uma grande articulação grevista com as seguintes demandas: o reajuste salarial de 43% (a polícia militar do ES tem o salário mais baixo do país e está sem revisão salarial há mais de sete anos), a criação da perspectiva de carreira, o auxílio-alimentação, o plano de saúde, o auxílio-periculosidade/insalubridade e o adicional noturno. Reivindicações mínimas e que qualquer categoria do funcionalismo público tem pleno direito.

Amauri Soares, membro da Direção Nacional da Intersindical e da APRASC e 2º Sargento da PM (reserva), declara a apoio aos PM’s do Espírito Santo.

Nota da Intersindical sobre a Ocupação Colonial e a prisão de Gulherme Boulos

Em um debate de praças via rede social, sobre a conjuntura de ataque aos direitos da classe trabalhadora e do povo pobre em geral, um companheiro postulou a seguinte questão: “Qual a saída?”

Nesta quarta-feira (05/10), policiais militares cumpriram mandado de reintegração de posse do Acampamento Filhos da Luta, em Santa Maria da Boa Vista, região do Sertão do São Francisco no estado de Pernambuco.

Será realizado por 20 desembargadores que compõem o Órgão Especial do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, o julgamento do processo judicial que decide o futuro das 8 mil famílias (cerca de 30.000 pessoas) que compõem as três ocupações da Izidóra – Rosa Leão, Esperança e Vitória – que, em 3,6 anos de luta já construíram mais de 5.000 casas de alvenaria e são comunidades em franco processo de consolidação.

Com shows, poemas, falas das frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular, milhares de pessoas se reuniram no Vão Livre do Masp para mais um domingo de manifestações contra o governo golpista de Michel Temer, contra as retiradas de direitos em curso e por eleições direta

Uma nona marcha de manifestações contra o governo de Michel Temer, por eleições diretas e contra a retirada de direitos civis, trabalhistas e previdenciários foi realizada quinta-feira (9), em São Paulo, sob forte esquema de segurança por parte da PM. Cerca de 15 mil manifestantes das Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular caminharam do …

PM cria mega operação para evitar marcha até a casa de Temer Leia mais »

Jornalistas, principalmente os de imagem e que realizam coberturas para a mídia alternativa e coletivos independentes, estão mobilizados diante da violência policial contra o trabalho destes profissionais nos últimos dias. Fotógrafos e cinegrafistas relatam casos de agressão física ocorridos durante as manifestações, e denunciam que têm sofrido pressão, violência psicológica e perseguições por parte da …

Jornalistas denunciam agressões, terror psicológico e perseguições da PM fora das manifestações Leia mais »

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) anunciou ontem (5), durante coletiva de imprensa realizada no Sindicato dos jornalistas de SP, que a Polícia Militar de São Paulo será denunciada na Corte Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA) pela repressão e violência cometida contra manifestantes que participaram no último domingo (4) da passeata contra o governo Michel Temer.

Em São Paulo mais de 100 mil foram às ruas. Próximo ato já está marcado para a próxima quinta-feira (8).

Leia também: → URGENTE: Manifestação garantida neste domingo em SP (04/09) A estudante da Universidade Federal do ABC Débora Fabri foi atingida por estilhaços de bombas no rosto na última quarta-feira (31), durante a manifestação pacífica e democrática na cidade de São Paulo. A manifestação reunião pessoas contrárias ao golpe chancelado pela maioria do Senado Federal. …

Violência policial tira a visão de estudante. Mídia trata caso com cinismo Leia mais »

Ontem, 31.08.2016, dia em que se consolidou o GOLPE no Brasil, o Bar e Restaurante Al Janiah foi violentamente atacado pela Polícia Militar, que jogou bombas no estabelecimento, aonde ocorria a apresentação de músicos brasileiros e sul africanos. Espaço de referência na luta da esquerda em São Paulo, construído por palestinos refugiados da Guerra na Síria …

Nota de repúdio ao atentado ocorrido no Al Janiah Leia mais »

Integrantes de movimentos sociais e sindicais ocuparam ontem (29) diversas vias públicas do país e prometem fazer o mesmo nesta terça-feira (30) e quarta-feira (31) em protestos contra o golpe orquestrado pela direita conservadora para implementar uma política recessiva e antipopular por meio das reformas previdenciária e trabalhista, entre outras. Em São Paulo, a manifestação …

Protestos contra o golpe são massacrados e reprimidos com detenções em SP Leia mais »

A truculência da Polícia Militar se expande sem limites. Se até mesmo o ex-senador Eduardo Suplicy, preso nesta segunda-feira, foi vítima, o que dirá o cidadão comum, sobretudo se for pobre e negro, defendendo uma área ocupação por pessoas que não têm onde morar. O ex-senador e ex-secretário de Direitos Humanos de São Paulo, Eduardo …

PM prende Eduardo Suplicy e o detém durante reintegração de posse em SP Leia mais »

Para Marcelo Lavenère o Poder Judiciário no Brasil ainda reflete as origens de um Brasil patrimonialista e submetido às oligarquias locais. Em entrevista ao MST, o advogado autor do pedido de impeachment de Fernando Collor, em 1992, e apoiador da ação dos movimentos populares, Marcelo Lavenère, analisa como o Poder Judiciário atua progressivamente, articulado com …

“Quem está na ponta da repressão dos movimentos populares é a polícia” Leia mais »

“Nota pública de denúncia e de clamor por sensatez” emitida nesta manhã pelas Brigadas Populares de Minas Gerais Dona Efigênia, durante vigília, nessa noite fria de Belo Horizonte, MG, clama para que as 200 famílias das Ocupações Maria Vitória e Maria Guerreira, no bairro Copacabana (rua Blumenau, próximo aos bairros Santa Amélia e São João …

PM de MG despejou na manhã desta segunda-feira cerca de 200 famílias das Ocupações Maria Vitória e Maria Guerreira, em Belo Horizonte Leia mais »

A diretoria do Santander obteve um Interdito Proibitório, nesta quarta (15/6), e enviou a polícia militar para abrir a agência do Santander/Pça. Coronel Lopes (São Vicente), que estava paralisada desde o dia 10/6/2016. Em 13/6, o protesto tinha sido ampliado para a agência da Presidente Wilson (SV), que também foi aberta pela PM. As paralisações, …

Santander demite, enfatiza assédio e utiliza polícia contra bancários Leia mais »

O atual Ministro da Justiça é acusado de perseguir quem denuncia os abusos da polícia e decretou sigilo em vários documentos policiais. Ministro da Justiça em plena quebra da ordem constitucional, o advogado Alexandre de Moraes conseguiu a proeza de ser o primeiro a cometer uma gafe entre os empossados pelo presidente interino – e …

A nacionalização da truculência paulista Leia mais »

A cronologia dos fatos aponta para irregularidades na investigação da Polícia Militar e vai contra a versão apresentada pela polícia. O ataque promovido pela Polícia Militar a trabalhadores rurais sem terra, no último dia 7, em Quedas do Iguaçu/PR, é  contado em cronologia construída a partir da coleta de depoimentos das vítimas. As falas revelam …

MST – Cronologia aponta massacre de trabalhadores rurais em Quedas do Iguaçu: Polícia Militar emboscou e atirou para matar Leia mais »

Na tarde de quinta-feira (07/04), famílias do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), organizadas no Acampamento Dom Tomas Balduíno, no município de Quedas do Iguaçu, região centro do Paraná, foram vitimas de uma emboscada realizada pela Policia Militar do Estado e por seguranças contratados pela empresa. O acampamento, cuja ocupação teve início em maio …

Nota do MST: Polícia Militar e pistoleiros atacam famílias Sem Terra e assassinam dois trabalhadores do MST, no Paraná Leia mais »

Marcha nem chegou a sair da concentração quando foi reprimida por bombas de gás lacrimogêneo lançadas pela PM. Mais de 20 ficaram feridos, incluindo jornalistas A segunda manifestação do ano contra o reajuste da tarifa do transporte público em São Paulo, que subiu de 3,50 para 3,80 reais no sábado, foi literalmente sufocada nesta terça-feira pela Polícia …

Polícia sufoca manifestação do MPL contra alta da tarifa em São Paulo Leia mais »

O Sindibancários/ES paralisou na manhã desta sexta-feira, 27, a agência e superitendência do Banestes de São Mateus e as unidades de Linhares e Colatina. O protesto é contra a retaliação sofrida pelos trabalhadores e trabalhadoras dessas agências após a greve dos bancários na Campanha Salarial 2015.  O Banestes desmarcou as férias dos funcionários que estavam previstas …

Banestes usa truculência policial para tentar impedir Ação Sindical em Colatina Leia mais »

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora Manifestantes pediam reunião com presidente da Terracap para viabilizar construção de casas populares Um grupo ligado ao Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) bloqueou a DF-260 na manhã desta quarta-feira (30) para pedir uma reunião com o presidente da Terracap, empresa pública que atua como imobiliária do Distrito Federal. …

Polícia Militar do DF reprime brutalmente sem-tetos Leia mais »

Praças da PM criticam formação focada na servidão aos oficiais, vivida em um ambiente em que abusos físicos, psicológicos e disciplinares fazem parte da rotina.