fbpx

PL 257 é aprovado na Câmara Federal

Saiba mais:
→ 15 de março: parar contra o desmonte da previdência, a terceirização e o fim dos direitos trabalhistas
→ Boletim de conjuntura econômica 6: 15 medidas alternativas à PEC 55
→ Políticas de ajuste e gênero: O impacto da PEC 55 na vida das mulheres trabalhadoras


O placar da aprovação do PLC 257 na madrugada de hoje foi dilatado. Dos 424 votos computados, 282 votaram a favor do Projeto e 140 votaram contra. Entre os catarinenses, dos 13 votos, 10 foram favoráveis e apenas 3 contrários. As bancadas do PMDB, PP, PR, PSDB e PPS fizeram a diferença para a aprovação deste projeto que ataca diretamente o serviço público em todas as esferas.

O texto final é diferente do que foi apresentado inicialmente. Alguns artigos foram retirados, mas na essência tudo segue como era. Em troca da renegociação das dívidas dos estados com a União, os governos terão de impor limites nos gastos com serviços públicos que, na prática, vão promover o sucateamento das instituições públicas e sobrecarregar ainda mais os servidores.

Sem uma mobilização forte e duradoura, esse quadro dificilmente será revertido. É que o PLC 257 foi só o primeiro passo. Ontem também avançou a PEC 241, que congela os orçamentos pelos próximos 20 anos. Imaginemos nosso estado, nossos hospitais, universidades e escolas há 20 anos, em 1996. Agora imaginemos como seria se houvesse acontecido nenhum novo investimento!

 O presidente interino Michel Temer (PMDB) vem cumprindo suas promessas e avançando rapidamente com os seus projetos. Na presidência da Câmara Federal, o aliado de Temer deputado Rodrigo Maia (PMDB) também tem cumprido suas promessas e votado todos os projetos a toque de caixa. Eles estão fechados e comprometidos. Além da PEC 241 e do PLC 257, já prometeram até o final do ano a Reforma da Previdência e a Reforma Trabalhista. Reforma, leia-se, corte de direitos!

Fonte: SindSaúde-SC
Foto: Luis Macedo

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

35 Comments

  1. Solange Souza said:

    Cadê a força sindical que não faz nada para impedir isso convaco os servidores e informá o povo dos fotos que estão ocorrendo só faz reclamação após os fatos ocorridos , não adianta nada!!!

    • SOUZA said:

      A FORÇA SINDICAL FAZ SUA PARTE, AGORA A FORÇA MAIOR É A DO POVO, PORQUE QUANDO EXISTE PROTESTO NAS RUAS NINGUÉM SE MANIFESTA, CADE O POVO NAS RUAS QUANDO FALA DO SEUS DIREITOS….

  2. lucia said:

    Devem mexer na lei do menor,começar a trabalhar mais cedo , a maioridade.Há muito a mudar no país.

  3. DUDY BARROS said:

    ESTE É APENAS O COMEÇO; APÓS A CONCRETIZAÇÃO DO GOLPE O MICHEL IRÁ MUITO MAIS LONGE. JÁ EXISTE UMA BOA EQUIPE TRABALHANDO PARA DEFINITIVAMENTE ACABAREM COM OS “CONCURSOS ESTABILIDADE NO EMPREGO E APOSENTADORIAS PAGAS VIA TESOURO NACIONAL”. PARA TANTO SERÁ EVOCADA A CLAUSULA CONSTITUCIONAL PÉTRIA DE “ISONOMIA” TODOS OS TRABALHADORES DEVERÃO SER TRATADOS IGUALMENTE, TODOS APOSENTADOS VIA INSS. EXATAMENTE COMO ACONTECE NOS STATS….

    • Melo said:

      ????? esse projeto ainda é do gov Dilma, estava em regime de urgência, foi retirado de pauta mas, teve que retornar por pressão dos Estados em negociar as dividas.

      • Airton Júnior said:

        com certeza amigão, essa pec 257 é de março, em carácter de urgencia pela presi”denta” da república Dilma roussef, só que tanto o site foi tendencioso como também a galera não liga nem mesmo a pesquisar a pec pra saber quem foi que propôs à camara mas já saem xingando quem não teve culpa na situação! Tenho plena certeza que esses que o xingam sabendo que foi dilma vão querer arrumar alguma justificativa plausivel pra ela! Só que não tem, ninguém é mais culpado de que o pt dos rombos que o Brasil está nem do preço que nós servidores estamos pagando! infelizmente só sobre pra nós o povo pagar os luxos desses bandidos petralhas, pois a conta que vamos pagar durante muito tempo foi por conta desse desgoverno petralha sim! quem tiver duvidando que estude e abra a mente pra novos horizontes, tira a careta que o pt colocou e enxergue como eles deixaram nosso país! QUEBRADO!

  4. Elisete said:

    Esses políticos deveriam tomar vergonha na cara e trabalharem a favor do povo. Vivem do dinheiro do povo, mas só fazem coisas pra prejudicar a população. Bando de corruptos.

  5. Jander said:

    Devemos nos mobilizar para acabar com regalias políticas! Eles não pagam INSS, mas se aposentam com dois mandatos! Têm 13.o, 14.o e 15.o salários! Não pagam IRRF! Não trabalham e não têm pontos cortados! Aumentam descaradamente os próprios salários! Cadê os influenciados pela globo? Apoiaram o golpe e tão caladinhos…#vergonhadeserbrasileiro

    • Marta said:

      Concordo plenamente! O nosso país merece uma população ética. Estou vendo o Brasil naufragar, parece que estamos anestesiados, a situação do nosso pais está clara que precisa de reforma, porem não é apenas penalizando os mais carentes para manter essa corja de bandidos com todas as regalias, que vai mudar a situação. Os deputados e senadores devem ser filhos de chocadeiras, pois não há um ser humano de verdade que possa ser tão perverso ao ponto de receber milhões as custa de um povo trabalhador. O Brasil está todo de cabeça para baixo. Acredito que se a nação não reagir, estamos simplesmente fadados a conviver com o maior retrocesso de todos os tempos. Que situação! DEUS, TENHA MISERICÓRDIA DO BRASIL, EXTERMINE O MAL QUE NOS ASSOLAM PELA RAIZ!

  6. Ge Mar said:

    “Devemos nos mobilizar para acabar com regalias políticas! Eles não pagam INSS, mas se aposentam com dois mandatos! Têm 13.o, 14.o e 15.o salários! Não pagam IRRF! Não trabalham e não têm pontos cortados! Aumentam descaradamente os próprios salários! Cadê os influenciados pela globo? Apoiaram o golpe e tão caladinhos…#vergonhadeserbrasileiro”

  7. JorgeGorla said:

    Pessoal falando em golpe… O PL foi apresentado pela Dilma, só pra vocês saberem viu. Pesquisem antes de passarem vergonha comentando asneiras.

  8. Beth said:

    Cadê os coxinhas fdp não vão fazer nada…..sumiram bando de covardes….pediram fora Dilma e agora

    • Soares Oliver said:

      Não um bando do cavardes! Não são seus parceiros? Vamos detonar, primeiro os PELTISTAS malditos comunistas. Depois, LADRÃO por LADRÃO, partido por partido. Daqui a trinta anos, possivelmente, estaremos iniciando um projeto de reconstrução mais efetiva, desta MALDITA DESTRUIÇÃO PETISTA de corrução instalada no BRASIL.

      Se o Capitalismo e maldito, este COMUNISTAS infernais. Fortaleceu, fortificou o SISTEMA CAPITALISTA das Grandes Empresas parceiras e detonou as maioria das médias e pequenas empresas BRASILEIRAS. Eta povinho corrupto!!

  9. JOSE RIBEIRO MARTINS said:

    os trabalhadores devem ir as ruas fazer panelaço, para garantir seus direitos que o PMDB VAI tirar com certeza, isso é o preço do empiachment, Cadê os panelaço, as manifestação de ruas, as greve, o PT ESTÁ DIZENDO QUE FOI ESCOLHA DO POVO, COLOCAR O TEMER , ESTÃO NÃO PODE DIZER NADA.

  10. Emerson said:

    Não podemos nos calar. Vamos usar as redes sociais e gritar contra esses usurpadores de direitos sociais!

  11. LUCI MARA DIAS DE C PAULA said:

    Boa tarde, pessoas!
    O que deve ser aprovado é a redução de ministério com seus salários altíssimos, o cumprimento do seu ponto diário com carga horária de 8 horas, menos falatórios e mais atitudes por parte dos políticos, para que melhore a situação do nosso país e de vários brasileiros desempregados, pais de famílias que precisam sustentar seus pequeninos sem subsídios, dêem a eles ferramentas de trabalho, educação de qualidade e direito à moradia.
    Redução de aposentados que ainda continuam na ativa, acumulando dois salários, e dando oportunidades para os jovens formandos.

  12. Roseneide said:

    Estamos numa situação extremamente difícil. Mas o povo tem memória curta. Nessas eleições e nas próximas elegerão os mesmos de sempre, as mesmas figurinhas repetidas nas políticas local e nacional. Eita povo bonzinho!!!!

  13. Ronaldo souza Ângelo said:

    Não sei porque o temer ficou se ele esteve presente em todas as falcatruas cometidas pelo governo Dilma.

*

Top