fbpx

Nota contra a nomeação do presidente do IBGE

Manifestamos solidariedade aos trabalhadores do IBGE e repúdio à nomeação de Paulo de Castro, amigo pessoal de Michel Temer, para a presidência do órgão.
Paulo de Castro é proprietário de empresas de consultoria econômica e classificação de risco. Sua nomeação à presidência do órgão responsável pela produção das estatísticas econômicas oficiais constituí flagrante e intolerável conflito de interesses.

Além disso, sendo o IBGE um órgão fundamental ao monitoramento de políticas públicas, a escolha de seus dirigentes deveria se dar através de processos democráticos, como reivindicam seus funcionários. A nomeação da presidência do IBGE por simples vontade do governo de plantão é uma ameaça à autonomia e independência técnica do instituto.

Ameaça que é ainda mais grave quando promovida por um governo golpista e ilegítimo para colocar à frente do órgão um indivíduo externo ao quadro técnico da instituição.

Junho de 2016
Povo Sem Medo
Intersindical – Central da Classe Trabalhadora

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top