fbpx

Mais cinco agências do Banco do Brasil paralisadas em Santos nesta segunda-feira

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e os funcionários do Banco do Brasil (BB), que integram o PSO – Plataforma de Suporte Operacional em Santos, paralisaram mais cinco agências do Banco do Brasil, em Santos, nesta segunda-feira,15/02.

“As paralisações vão continuar caso a superintendência não reveja o corte de comissão de bancários do PSO/Santos, com a reestruturação implantada unilateralmente pela diretoria do BB. Foram cortadas vagas de gerentes, além de caixa e escriturário”, segundo Eneida Koury, secretária geral do Sindicato e funcionária do BB.

“A superintendência empurrou um problema, no corte vagas em São Paulo, para Santos. Sendo que aqui já há um déficit de trabalhadores. A reestruturação e os cortes, além de diminuir a ascensão dos bancários da região na carreira, incentiva ao acúmulo de função e a má prestação de serviços à população”, diz Ricardo Saraiva Big, presidente do Sindicato.

As paralisações iniciaram, às 8h, nas unidades da Vila Belmiro, Ponta da Praia, José Menino e Epitácio Pessoa até às 11h, e na agência da Nova Noroeste (ZN) por 24h (todas em Santos).

Na Nova Noroeste o caso é mais complicado, porque uma caixa foi descomissionada. A diretoria está mantendo contato com a superintendência para negociar a garantia da comissão desta funcionária, caso contrário as manifestações vão continuar, afirma Eneida Koury.

Sexta foram 10 unidades

Outras 10 agências foram paralisadas na sexta-feira, dia 12/2, das 8h às 11h, contra o corte de vagas na cidade. A manifestação foi organizada pelo sindicato com adesão de grande número de bancários, que paralisaram suas agências por iniciativa própria.

Bancarios Santos 021_01p

Fonte: Sindicato dos Bancários de Santos e Região

 

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top