Fortaleza: dia 29 todas e todos à Secretaria do Planejamento, às 10h

Fortaleza: dia 29 todas e todos à Secretaria do Planejamento, às 10h

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

SINDIFORT (Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza)

Dia 29 de maio, sexta-feira, é Dia Nacional de Luta com paralisações. Por isso, nós, servidores, professores e empregados públicos municipais vamos às ruas de Fortaleza para:

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Denunciar o Congresso Nacional – o mais conservador desde o final da Ditadura Militar, quer acabar com os direitos trabalhistas, previdenciários e constitucionais.

Denunciar a volta da escravidão com o Projeto de Lei (PL) 4330/04 da terceirização, liderado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB). Este PL já foi aprovado na Câmara e está no Senado.

Denunciar as Medidas Provisórias (MPs) 664 e 665 também já foram aprovadas na Câmara. Estas medidas, enviadas por Dilma, cortam 50% das pensões por morte, aumentam o tempo para a concessão do Seguro Desemprego e as contribuições do Abono Salarial, além de incidirem sobre o PIS/Pasep. Isso quer dizer o corte de 18 de bilhões nos salários dos trabalhadores.

O governo fala em ajuste fiscal mas triplicou o valor do Fundo Partidário e mantém metade do Orçamento da União direcionado a banqueiros e especuladores um trilhão e trezentos e cinquenta e cinco bilhões de reais, pagando juros e amortizações da Dívida Pública.

Leia também:
29/05: Dia Nacional de Paralisação e Manifestações Rumo à Greve Geral

Em Fortaleza, o prefeito Roberto Cláudio (PROS) privatizou a gestão da saúde, pagando 281 milhões de reais para o ISGH, enquanto pessoas agonizam no chão do IJF por falta de macas/leitos. Além disso, o prefeito está privatizando os mercados públicos, terminais de ônibus, o estádio Presidente Vargas e até banheiros públicos. Servidores têm seus direitos negados e a população continua ao deus dará.

Vamos ampliar nossa mobilização, pois somente na luta e nas ruas barraremos estes ataques. Se Dilma não enterrar o PL 4330 e suspender as MPs 664 e 665, vamos construir uma grande greve geral e parar o Brasil. É urgente uma reforma tributária com a taxação das grandes fortunas, assim como a auditoria da dívida pública.

Pelo enterro do Projeto de Lei 4330!
Pela revogação das MPs 664 e 665!
Por condições dignas de trabalho e concurso público!
Pela garantia do Piso Nacional dos ACS/ACE!
Por políticas de saúde e segurança do trabalhador e combate ao assédio moral na PMF!
Pelo  fim da corrupção! Punição para corruptos e corruptores!
Emprego, terra, moradia, educação, saúde e por um serviço público de qualidade!

Local: Sepog (Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão), às 10h

007_01

 

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no #19JForaBolsonaro na Av. Paulista
Intersindical no #19JForaBolsonaro na Av. Paulista
ELEIÇÕES PERUANAS [Intersindical Debate #34]
ELEIÇÕES PERUANAS [Intersindical Debate #34]
POR QUE IR ÀS RUAS NO 19J? [Intersindical Debate #33]
POR QUE IR ÀS RUAS NO 19J? [Intersindical Debate #33]
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários