fbpx

Fortaleza: agentes de saúde e de endemias novamente na Câmara

Novamente o Sindifort mobilizou os agentes de saúde e de endemias para comparecerem a Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor). Já se encontra na Câmara projeto do prefeito Roberto Cláudio (PDT) tratando da implantação do piso nacional dos agentes. Embora o piso nacional seja determinado pela lei 12.994, de 17/06/2014, e estipule o valor do salário em R$ 1014,00, a Prefeitura de Fortaleza não vem cumprindo está determinação.

Agora, a Prefeitura quer implantar o piso mas retirando a Gratificação de Incentivo de Campo, o que na prática não melhora a remuneração dos profissionais. O projeto que estipula o piso salarial das duas categorias foi enviado pelo prefeito á CMFor no final da semana passada e, conforme informações da imprensa, está com o líder do governo, vereador Evaldo Lima (PCdoB).

A mobilização dos agentes de saúde e de endemias faz parte da Campanha Salarial 2016 dos Servidores, Professores e Empregados Públicos Municipais. O Sindifort já protocolou pauta de reivindicações junto à Prefeitura no último dia 25. O funcionalismo municipal tem data base em 1º de janeiro e o índice de reajuste reivindicado é de 19,46%, o que equivale a recuperar o poder de compra dos vencimentos e salários em maio de 2008.

Leia também:
Agentes de saúde e de endemias vão à Câmara e vereadores levarão propostas dos trabalhadores ao prefeito

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top