Em Porto Alegre, PM tenta reprimir trabalhadores no Dia Nacional de Paralisações

Compartilhe

Logo na madrugada, em Porto Alegre (RS), trabalhadores e trabalhadoras fizeram um piquete numa garagem da Companhia Carris de transporte público.  A Polícia Militar tentou reprimir a manifestação em ato no Dia Nacional de Paralisações, Rumo à greve Geral, mas os trabalhadores se reagruparam e continuaram em ato contra os ataques do Governo Federal e dos Governo Estadual de Ivo Sartori (PMDB).

Diversos setores do funcionalismo público, como educação universitária, convocada pela Assufrgs, e básica e setores da saúde também estão fazendo paralisações unitárias.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Mais tarde ainda está prevista uma marcha convocada pela Intersindical – Central da Classe Trabalhadora e outras centrais sindicais.

greve-geral-22-09-0016-valnez-bitencourt

greve-geral-22-09-0005-indio

 

 

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Trabalhadores Químicos decidem pelo Fora Bolsonaro
Trabalhadores Químicos decidem pelo Fora Bolsonaro
Edson Índio, na Conferência Nacional dos Bancários
Edson Índio, na Conferência Nacional dos Bancários
Mané Gabeira, na Conferência Nacional dos Bancários
Mané Gabeira, na Conferência Nacional dos Bancários
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários