Caixa dá início a novo PAA, mas se recusa a contratar mais funcionários

Caixa dá início a novo PAA, mas se recusa a contratar mais funcionários

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Começou na segunda-feira, dia primeiro, e prossegue até 31 de março, o Plano de Apoio à Aposentadoria da Caixa. Por meio dele, a instituição financeira pretende desligar 1500 trabalhadores e trabalhadoras, sendo que no ano passado, o mesmo programa foi responsável pelo desligamento de 3200 bancários e bancárias. Com o PAA deste ano, o número de empregados da Caixa, que já chegou a 101 mil, pode terminar 2016 em torno de 95 mil.

Segundo a Caixa, em reunião com a Comissão Executiva dos Empregados (CEE) e a Contraf, realizada em 28 de janeiro, apesar do desligamento de milhares de funcionários e funcionárias por meio do PAA, a instituição financeira não irá repor vagas.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

“Com isso, a Caixa deixa claro que não quer cumprir a cláusula 50 do Acordo Coletivo 2014/2015, que previa a contratação de mais 2 mil empregados. O resultado disso será uma escassez ainda maior de trabalhadores e, consequentemente, a piora dos condições de trabalho, causando o aumento de doenças ocupacionais, como LER e doenças e psíquicas, além da pressão por metas. Vale destacar que enquanto isso a Caixa alcança lucros cada vez mais altos”, diz a diretora do Sindicato dos Bancários/ES, Lizandre Borges.

Ela destaca, ainda, que a falta de empregados pode fazer com que a Caixa volte a ficar em primeiro lugar no ranking de queixas de clientes do Banco Central. “A Caixa tem liderado esse ranking nos últimos tempos. O último foi divulgado em janeiro e corresponde ao segundo semestre de 2015. A Caixa recebeu 5.120 reclamações consideradas procedentes, ficando em primeiro lugar. Uma das causas da insatisfação dos clientes certamente tem a ver com a falta de funcionários, que traz diversos problemas, como demora no atendimento”, afirma Lizandre.

Fonte: Sindicato dos Bancários do Espírito Santo

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no #19JForaBolsonaro na Av. Paulista
Intersindical no #19JForaBolsonaro na Av. Paulista
ELEIÇÕES PERUANAS [Intersindical Debate #34]
ELEIÇÕES PERUANAS [Intersindical Debate #34]
POR QUE IR ÀS RUAS NO 19J? [Intersindical Debate #33]
POR QUE IR ÀS RUAS NO 19J? [Intersindical Debate #33]
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários