Em Belém (PA), Zenaldo FOGE da categoria durante reunião sobre pauta da educação

Em Belém (PA), Zenaldo FOGE durante reunião sobre educação

Zenaldo foge da categoria durante reunião com o MPPA

O “prefeito” Zenaldo Coutinho não cansa de dar vexame. Não bastasse o desajuste que promove na educação pública municipal, na tarde desta segunda-feira, 19, estrategicamente para fugir do ato público organizado pelo SINTEPP em frente do prédio da Companhia de Desenvolvimento e Administração da Área Metropolitana de Belém/CODEM, transferiu o local da audiência (que sua própria equipe de gestão havia marcado com o Ministério Público do Estado do Pará/MPPA desde sexta-feira, 16). Em cima da hora, o governo informou ao MPPA que a reunião seria no mesmo dia e horário, 19/03, às 16h, mas que não seria mais na CODEM e sim no Palácio Antônio Lemos.

Em 13.03 SINTEPP já havia encaminhado denúncia ao MPPA. Relembre:

Na semana passada, 13, os educadores e o Sindicato, não aguentando mais os ataques e cortes de direitos da administração Zenaldo e Socorro Aquino (atual secretaria de educação – que é prima do prefeito), denunciaram diversas situações em audiência no MPPA e repassaram uma extensa pauta contendo as atrocidades que estão sofrendo, e que são frutos das imposições de Zenaldo e Aquino. Na audiência, o SINTEPP sugeriu à promotora de Educação Graça Cunha que intercedesse e tomasse medidas enérgicas contra “Os Coutinhos”.

Ficou definido, então, que o MPPA deveria exigir uma audiência com o prefeito para cobrar soluções da gestão aos problemas da educação municipal. Foi então que a promotora Graça Cunha conseguiu na sexta-feira, 16, agendar uma reunião entre MPPA e Zenaldo, que estava prevista para a tarde de ontem, 19, às 15 horas, na CODEM.

O alcaide, porém, sabendo do ato público organizado pelo Sindicato para acompanhar a referida audiência, ligou a promotora Graça Cunha, por volta de 14h de ontem, 19, transferiu o local da audiência para o Palácio Antônio Lemos.

Provavelmente, Zenaldo não queria mesmo era ouvir as palavras de ordem e indignação produzidas pelo carro som, que expressavam frases como “A educação municipal pede SOCORRO, mas AQUI NON! “Fora Socorro Aquino!”, e até “Ei Cabeção! Reajusta (e paga) o nosso salário e o vale alimentação”, entre outras falas que denotam o total desgaste desta administração.

Ainda nesta segunda-feira, 19, o SINTEPP conseguiu contactar a promotora Graça Cunha e acertou nova audiência entre o MPPA e o Sindicato para às 14 horas, no dia 22/03, no órgão. Nesta audiência a promotora vai apresentar as respostas do prefeito às denúncias/cobranças que constam na pauta dos trabalhadores  municipais da educação.

Entre as reivindicações apresentadas pelo SINTEPP e a categoria ao MPPA sobre a educação municipal estão:

  1. Cobrança do pagamento imediato do salário de professores que não receberam seus proventos no mês de fevereiro/18;
  2. Denúncia do não pagamento há três meses dos salários dos servidores prestadores de serviço da SEMEC;
  3. Pelo não fechamento de bibliotecas e de turmas da Educação de Jovens e Adultos/EJA, de salas de leitura, laboratórios de informatica e do AEE/Atendimento Educacional Especializado (que são os professores que ensinam alunos deficientes em escolas municipais);
  4. Fim do crescente assédio moral, imposto por diretores biônicos, a mando da secretária de educação;
  5. Realização de eleição direta de diretores de escolas;
  6. Denúncia do não pagamento do piso salarial profissional nacional do magistério aos professores;
  7. Denúncia pelo não reajuste/congelamento há quatro anos do valor do vale alimentação (estagnado em R$270,00);
  8. Corte pela metade do valor do vale transporte dos servidores da educação.

Por tudo isso e demais enfrentamentos, os (as) trabalhadores (as) municipais da educação e o SINTEPP estão iniciando uma campanha pelo “Fora Socorro Aquino!”. Logo, se você quer se somar a esta luta, fique atento (a) a agenda da Executiva Belém do SINTEPP:

22/03 (quarta-feira)

14h00
Audiência no MPPA, com a promotora Graça Cunha para cobrar respostas da reunião com o prefeito (19/03);

27/03 (quarta-feira)

15h00
Audiência (confirmada pela SEMEC) entre SINTEPP e Secretária de Educação Socorro Aquino;

1ª semana de Abril

Com data e local a confirmar
Assembleia Geral da Rede Municipal.

Fonte: Sintepp


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

*

Top