Vítimas da terceirização II: diversas prestadoras de serviços estão com repasses atrasados

Vítimas da terceirização II: diversas prestadoras de serviços estão com repasses atrasados

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Empresas terceirizadas que prestam serviços às unidades de saúde estaduais estão com os pagamentos do governo atrasados. Na semana passada, o Laboratório Bioclínico emitiu um comunicado informando um corte significativo na quantidade e na diversidade de exames realizados a partir desta semana, em função da falta de pagamento. As empresas Nutrindus, que presta serviços de alimentação, Orbenk, de limpeza e vigilância, entre outras também estão com pagamentos atrasados e podem suspender os serviços.

Também na semana passada, a empresa terceirizada que gerência a nutrição do Hospital Governador Celso Ramos deixou de fornecer água para pacientes, acompanhantes e trabalhadores. Ficar sem água para beber é apenas uma pequena demonstração do descaso do governo com a saúde pública. Os atrasos nos pagamentos aos fornecedores são recorrentes e o sucateamento da estrutura pública é consequência desse descaso do governo.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

No mesmo Hospital Celso Ramos, há cerca de dois meses, um elevador despencou deixando uma servidora ferida. As paralisações recentes no SAMU e no Hospital Florianópolis são outros casos em que as empresas responsáveis pelo serviço alegam não ter recebido pagamento do governo.

Terceirizando serviços fundamentais para o funcionamento das unidades públicas de atenção à saúde, o governo se isenta da sua responsabilidade de garantir um serviço de qualidade e ao alcance de todas e todos os cidadãos. Mas as empresas não querem saber, sem dinheiro, não há serviço.

Governador Raimundo Colombo, o que você tem a ver com isso?

Leia também:
Vítimas da terceirização: no Hospital Celso Ramos não têm água para beber

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários