Jornalistas

Barão de Itararé lança plataforma eleitoral para fortalecer a mídia alternativa

Barão de Itararé lança plataforma eleitoral para fortalecer a mídia alternativa

Na luta por uma comunicação mais democrática, a proposição de políticas para a mídia alternativa deve ocupar um lugar central. Por isso, o Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé preparou uma plataforma para candidatos e candidatas nas eleições de 2018, intitulada “Uma proposta para o fortalecimento da mídia alternativa”.

Nota pública: Em defesa da EBC, pela pluralidade na comunicação brasileira

Nota pública: Em defesa da EBC, pela pluralidade na comunicação brasileira e contra os ataques do governo à comunicação pública

Na última semana, a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e seus trabalhadores voltaram a ser alvo de ataques do governo. No último domingo, a Folha de S. Paulo publicou a intenção do natimorto governo Temer de extinguir a empresa pública de comunicação. Antes, O Estado de S. Paulo questionava de atestado a salários dos trabalhadores da EBC.

EBC em greve: Trabalhadores da EBC entram em greve para preservar direitos ameaçados

Trabalhadores da EBC entram em greve para preservar direitos ameaçados

Jornalistas e radialistas da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) entraram em greve a partir de zero hora da terça-feira, 14/11, em protesto à oferta apresentada pela direção da empresa de congelamento dos salários, de retirada de direitos e de corte de benefícios do Acordo Coletivo de Trabalho 2017/2018.

O golpe contra a EBC - INTERSINDICAL

O golpe contra a EBC

Os golpistas querem naturalizar que só pode haver uma comunicação, aquela que obedece aos interesses econômicos dos grupos privados. O desmonte da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) pelo atual governo interino – e ilegítimo – de Michel Temer foi tema de um debate promovido pelo Centro de Mídia Alternativa Barão de Itararé, na última segunda-feira (11.07).

Trabalhadores de imprensa da EBC reivindicam melhores salários e são chamados de radicais por ministro das comunicações

Trabalhadores de imprensa da EBC reivindicam melhores salários e são chamados de radicais por ministro das comunicações

Desde o dia 10 de novembro os trabalhadores de imprensa da EBC (Empresa Brasil de Comunicação) estão em greve. Os trabalhadores pedem aumento salarial, mas a empresa ofereceu apenas 3,5% de reajuste, sendo que a inflação já chegou a quase 10%. Eles também pedem um aumento linear de R$ 450 para todos os cargos, para diminuir a diferença dos que têm salários mais altos.