fbpx

Servidores Municipais de Alcântaras (CE) denunciam gastos do prefeito

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora

Com a palavra de ordem “Servidor na rua, prefeito a culpa é sua!” Servidores Públicos Municipais de Alcântaras (CE) tomaram as ruas da cidade nesta quinta-feira, 25, com mais de 150 trabalhadores reivindicando suas pautas de greve e levando também à população os gastos exorbitantes da Prefeitura local.

O Prefeito Eliésio Fonteles (PROS) não aceita as pautas de reivindicações dos servidores alegando não haver dinheiro na prefeitura. No entanto, as denúncias do Sindican, sindicato que representa a categoria e é filiado à Intersindical – Central da Classe Trabalhadora, colocou em cheque a argumentação do prefeito. Entre as denúncias, o sindicato alega que há gastos exorbitantes como R$ 2,5 milhões ao ano com aluguel de carro e mais de R$ 800 mil apenas com combustível.

As pautas de reivindicações dos trabalhadores e trabalhadoras em greve incluem Licença Prêmio; cumprimento da Lei Municipal 509/2008, de Anuênio; adicional por tempo de serviço; Insalubridade; reajuste salarial; redução da carga-horária do magistério; gratificação de compensação de aumento carga horária; reajuste de auxilio deslocamento; plano de cargos e carreiras para todos os servidores; regulamentação da data base de ajuste salarial; retomada do calendário de pagamento para o dia 30 de cada mês; e realização de concurso Público.

Veja as fotos da manifestação:
[cincopa AAAAAr8sN7Rs]

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top