fbpx

Servidores da Procuradoria do Estado de São Paulo realizam ato em defesa da dignidade salarial e das carreiras

Servidores da Procuradoria do Estado de São Paulo realizam ato em defesa da dignidade salarial e das carreiras

Neste dia 28, os servidores da Procuradoria Fiscal do Estado de São Paulo realizaram ato na Av. Rangel Pestana, 300, em frente à sede da repartição com o objetivo de denunciar a situação da categoria.

Os servidores reivindicam o aumento de 21 para 33 reais do vale-alimentação equiparando aos dos Procuradores. A outra pauta é a equiparação do valor do PIPQ – Prêmio de Incentivo à Produtividade e Qualidade, ao dos servidores fazendários. O PIPQ que se tornou o principal componente do salário bruto dos servidores; no entanto, há uma enorme diferença dos valores pagos em cada repartição. Além de injusta, esta situação eleva a precarização do trabalho destes servidores.

A categoria reivindica ainda a Bonificação por Resultados, já existente nas categorias da Fazenda Estadual. O processo de implantação na carreira da Procuradoria Geral do Estado encontra-se parado na mesa do Procurador Geral Estado.

Segundo os servidores, as mobilizações irão continuar acontecendo nos locais de trabalho até a instalação de uma mesa de negociação com o Procurador Geral do Estado para debater a pauta de equiparação.

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora apoia a luta dos servidores da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo e acredita que a equiparação dos benefícios das carreiras do Estado, no patamar das carreiras mais bem remuneradas, é uma condição básica fundamental para atingira dignidade salarial aos servidores públicos que tem como resultado imediato a melhoria do atendimento à sociedade. Não é justo que um Procurador do Estado tenha um salário de 22 mil reais enquanto um servidor só recebe 1.800 reais, por vezes, menos!

Equiparação Já!


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

2 Comments

  1. Vladimir said:

    Isso mesmo! Temos que tornar pública a nossa situação e a quanto somos esquecidos pela gestão desta Secretaria! Lutamos para que o justo seja feito, sem diferenças, pela isonomia e respeito!!!

*

Top