Servidores da Procuradoria do Estado de São Paulo realizam ato em defesa da dignidade salarial e das carreiras

Servidores da Procuradoria do Estado de São Paulo realizam ato em defesa da dignidade salarial e das carreiras

Servidores da Procuradoria do Estado de São Paulo realizam ato em defesa da dignidade salarial e das carreiras

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Neste dia 28, os servidores da Procuradoria Fiscal do Estado de São Paulo realizaram ato na Av. Rangel Pestana, 300, em frente à sede da repartição com o objetivo de denunciar a situação da categoria.

Os servidores reivindicam o aumento de 21 para 33 reais do vale-alimentação equiparando aos dos Procuradores. A outra pauta é a equiparação do valor do PIPQ – Prêmio de Incentivo à Produtividade e Qualidade, ao dos servidores fazendários. O PIPQ que se tornou o principal componente do salário bruto dos servidores; no entanto, há uma enorme diferença dos valores pagos em cada repartição. Além de injusta, esta situação eleva a precarização do trabalho destes servidores.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

A categoria reivindica ainda a Bonificação por Resultados, já existente nas categorias da Fazenda Estadual. O processo de implantação na carreira da Procuradoria Geral do Estado encontra-se parado na mesa do Procurador Geral Estado.

Segundo os servidores, as mobilizações irão continuar acontecendo nos locais de trabalho até a instalação de uma mesa de negociação com o Procurador Geral do Estado para debater a pauta de equiparação.

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora apoia a luta dos servidores da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo e acredita que a equiparação dos benefícios das carreiras do Estado, no patamar das carreiras mais bem remuneradas, é uma condição básica fundamental para atingira dignidade salarial aos servidores públicos que tem como resultado imediato a melhoria do atendimento à sociedade. Não é justo que um Procurador do Estado tenha um salário de 22 mil reais enquanto um servidor só recebe 1.800 reais, por vezes, menos!

Equiparação Já!


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
2 Comentários
Mais antigos
Mais recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
JOSTON
JOSTON
3 anos atrás

Parabéns a todos vcs q não se calaram!! A luta será difícil mas a vitória é certa!!!

Vladimir
Vladimir
3 anos atrás

Isso mesmo! Temos que tornar pública a nossa situação e a quanto somos esquecidos pela gestão desta Secretaria! Lutamos para que o justo seja feito, sem diferenças, pela isonomia e respeito!!!