fbpx

Servidores da educação aguardam nova proposta

Ministério da Educação promete apresentá-la até o dia 29

Os trabalhadores técnico-administrativos das instituições de ensino superior, em greve há quase três meses, aguardam as propostas do Ministério da Educação para a sua pauta de reivindicações.

A Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-Administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra) tem reunião marcada para hoje e para a próxima quinta-feira (27) no Ministério da Educação para discutir os itens não econômicos da pauta.

O Ministério da Educação, por sua vez, se comprometeu a apresentar uma proposta dos pontos negociados com os grevistas até a próxima quinta-feira.

Entre as principais demandas estão a revisão do sistema de eleições para reitores e colegiados das universidades e o estabelecimento de turno contínuo de 30 horas para os servidores.

Os servidores técnico-administrativos de 65 instituições federais de ensino superior estão em greve desde o dia 28 de maio.

Além das demandas específicas, os servidores da educação pedem, em conjunto com outras carreiras de funcionários públicos, o reajuste salarial de 27,3% em 2016, enquanto o governo oferece 21% em quatro anos.

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top