Presidente da Transparência Internacional pede que Temer renuncie do cargo

Presidente da Transparência Internacional pede que Temer renuncie do cargo

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Saiba mais:
→ Centrais Sindicais convocam nova GREVE GERAL para dia 30 de junho
 Juízes condenam as reformas trabalhista e previdenciária


O presidente da Transparência Internacional, José Ugaz, pediu na quinta-feira (1) que Michel Temer reveja sua decisão e renuncie ao cargo de presidente pois entende que sua manutenção no posto tem por objetivo “boicotar” o processo anticorrupão vigente no país.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

“Quero pedir que o presidente Temer reveja sua posição e que renuncie”, discursou Ugaz, sob aplausos, durante a abertura da Conferência Ethos 360.

” A presidência de um país deve caracterizar-se por um nível ético de mais alto nível para que as estruturas de um problema sistêmico (a corrupção) comecem a mudar. E um presidente com esse nível de questionamento não está em condições de liderar um país que passa por uma crise tão severa. Temos que renovar as estruturas. A classe política fracassou”, afirmou.

” Creio que essa crise de corrupção coloca o foco também sobre o setor privado. Isso exige uma mudança na cultura de fazer negócios”, continuou.

“A saída de Temer não resolve a crise, isso está claro. Mas a sua situação é insustentável e um sinal muito ruim para o combate da corrupção. Essa manutenção de Temer é com o objetivo de boicotar o sistema anticorrupção”, afirmou Ugaz ao jornal O Globo.

Corrupção generalizada

Segundo Ugaz, a rotina de escândalos no país desde o mensalão mostra que a corrupção no Brasil é sistêmica e coloca no país no nível de “grande corrupção”, uma classificação mais grave que a Transparência Internacional vem adotando para apontar quadros mais graves no mundo.

Segundo ele, porém, o processo de combate à corrupção pode levar o Brasil a um novo patamar no futuro. Isso depende do envolvimento da sociedade e da renovação da classe política.


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários