População de Paranhos (MS) protesta em frente à Prefeitura neste dia de Greve Geral

Saiba mais:
Câmara dos Deputados dá tiro de morte nos direitos trabalhistas
→ Nota Pública do Ministério Público do Trabalho contra a Reforma Trabalhista e apoiando a Greve Geral
→ Juízes e advogados em defesa da Justiça do Trabalho


A entrada da Prefeitura de Paranhos, a 469 km de Campo Grande, amanheceu ocupada por manifestantes nesta sexta-feira, 28 de abril. A cidade, que no Mapa da Violência está entre as dez mais violentas do país, é um dos locais de maior vulnerabilidade econômica e social.

Por isso o povo está nas ruas em greve geral e de olho nos aliados políticos dos candidatos a vereadores e prefeitos em 2018 que votarem contra a retirada de direitos sociais, contra o emprego e contra a aposentadoria.

A cidade faz fronteira com o Paraguai já foi considerada o município mais violento de Mato Grosso do Sul.

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se em nosso canal no YouTube

.

Postagens Relacionadas

*

Top