Nota do SindSaúde-SC contra o PL 5069/2013, de Eduardo Cunha

Nota do SindSaúde-SC contra o PL 5069/2013, de Eduardo Cunha

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Está tramitando na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 5069/2013, de autoria do Deputado Eduardo Cunha, que, entre outros pontos, visa criminalizar trabalhadores e trabalhadoras da saúde que atendam vítimas de estupro, e que encaminhem o uso da pílula do dia seguinte nestes atendimentos.

É claro que o direito de opiniões e crenças todos têm, mas isso não deve se sobrepor ao direito que as vítimas de violência também têm de serem atendidas plenamente. Não há justificativa para criação de leis e normas que imponham às mulheres decisões sobre seu futuro. O que esse projeto parece criar é uma falsa polêmica na sociedade, que coloca trabalhadores, todos vítimas de alguma forma de opressão, uns contra os outros.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Nesse sentido, o SindSaúde/SC vem à público repudiar o PL 5069/2013, pois esse projeto significa um retrocesso no direito de escolha das mulheres vítimas de estupro, criminaliza as e os profissionais de saúde e, ainda, suaviza o entendimento que se tem de estupro, ignorando as estatísticas, o sofrimento e as razões do silenciamento crônico das vítimas. Além de fortalecer, dessa forma, a cultura do machismo e do estupro em nossa sociedade.

Entendemos que o PL 5069/2013 é um duplo ataque aos direitos constitucionais de todas as trabalhadoras e trabalhadores, especialmente das mulheres e, por tudo isso, precisa ser rechaçado pelo conjunto da classe trabalhadora.

Fonte: SindSaúde-SC

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários