Nota do Fórum Catarinense de Defesa dos Serviços Públicos contra o PLP 257

Nota do Fórum Catarinense de Defesa dos Serviços Públicos contra o PLP 257

É hora de lutar e resistir contra a aprovação do PL 257

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Às Direções Nacionais das Centrais Sindicais,
Às Federações e Confederações Representativas da Classe Trabalhadora,
Às Associações Nacionais Representativas da Classe Trabalhadora

        Senhoras e senhores dirigentes nacionais de entidades da classe trabalhadora,

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

O Fórum Catarinense de Defesa dos Serviços Públicos, formado pelas entidades abaixo relacionadas, vem, por meio deste, requerer que as organizações nacionais representativas da classe trabalhadora (centrais, federações e confederações, associações) busquem, no menor espaço de tempo possível e em âmbito nacional, construir o debate e organizar a luta unificada contra o PLP 257, de autoria do Governo Federal, que tramita em regime de urgência constitucional na Câmara dos Deputados, desde o dia 22 de março do corrente ano.

Sem um vigoroso movimento nacional que consiga potencializar todas as lutas de forma articulada, tanto a nível nacional como regional e nas categorias, dificilmente alcançaremos algum êxito.

Como é sabido, o Projeto de Lei Complementar nº 257, a título de renegociar as dívidas dos estados com o Governo Federal, ataca violentamente os direitos dos servidores públicos e da classe trabalhadora, põe em extinção o já precário “estado de bem estar social” e penhora empresas públicas como garantia do pagamento das dívidas dos entes federados. Numa palavra, o “sistema da dívida pública” está sendo usado para aplicar contra a classe trabalhadora e contra o povo pobre em geral uma escalada de regressão dos direitos trabalhistas e garantias sociais ainda não conhecidos pelas gerações atuais. E não se trata de retórica ou de sensacionalismo! Basta ler com atenção o conteúdo PLP 257.

Entendemos impostergável a articulação de todas as entidades da classe trabalhadora para construir um amplo movimento nacional que possa enfrentar e derrotar este projeto, bem como as demais medidas que tramitam ou possam vir a tramitar nos próximos meses em prejuízo do povo brasileiro. Acreditamos que o PLP 257 deve ser rejeitado na íntegra sem cairmos na discussão das emendas e do desmembramento do projeto.

Desde já, o Fórum Catarinense de Defesa dos Serviços Públicos agradece a atenção e se coloca à disposição para continuar e fortalecer as lutas contra as medidas do ajuste fiscal e pela ampliação dos direitos de nossa classe e melhora dos serviços públicos.

Florianópolis – SC, em 29 de abril de 2016.

 

Assinam:

SINDALESC – Sindicato dos Funcionários da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina

SINDICONTAS – Sindicato dos Auditores Fiscais de Controle Externo do TCE/SC

SINJUSC – Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina

SIMPE-SC – Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Santa Catarina

SINDOJUS – Sindicato dos Oficiais de Justiça de Santa Catarina

SINDIFISCO – Sindicato dos Fiscais de Santa Catarina

FENEME – Federação Nacional dos Oficiais Militares Estaduais

ACORS – Associação dos Oficiais de Polícia e Bombeiro Militares de Santa Catarina

ABVO – Associação Barriga Verde de Oficiais

AFALESC – Associação dos Funcionários da Assembleia Legislativa de SC

SINTESPE – Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público de Santa Catarina

SINDSAUDE – Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos Públicos Estadual e Privado da Grande Florianópolis e Região;

SINDPREVS/SC – Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Serviço Público Federal no Estado de Santa Catarina

SINASEFE – Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica – Sessão IFSC

SINTRAFESC – Sindicato dos Trabalhadores Federais em Santa Catarina

SINTUFSC – Sindicato de Trabalhadores em Educação das Instituições Públicas de Ensino Superior do Estado de Santa Catarina

SUNTUDESC – Sindicato dos Técnicos da Universidade Estadual de Santa Catarina

SINTRASEM – Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Municipal de Florianópolis

APRASC – Associação de Praças do Estado de Santa Catarina

ANFIP – Associação Nacional dos Auditores Ficais da Receita Federal do Brasil

ANASPRA – Associação Nacional de Praças

SINDIFISCO NACIONAL – Sindicato dos Fiscais da Receita Federal do Brasil

SINTE-SC – Sindicato dos trabalhadores em Educação de Santa Catarina

ACAFIP – Associação Catarinense dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil

ACIJESC – Associação dos Comissários da Infância e Juventude do Estado de Santa Catarina

SINPOL-SC – Sindicato dos Policiais Civis de Santa Catarina

FENACONTAS – Federação Nacional dos Sindicatos dos Servidores dos Tribunais de Contas

COBRAPOL – Confederação Brasileira dos Policiais Civis

FENAJUDE – Federação Nacional dos Servidores do Judiciário nos Estados

FENASEPE – Federação Nacional dos Servidores Públicos Estaduais

FEIPOL – Federação Interestadual dos Policiais Civis da Região Sul

CSP CONLUTAS – Central Sindical e Popular – SC

CUT – Central Única dos Trabalhadores – SC

 

INTERSINDICAL-SC – Central Sindical da Classe Trabalhadora

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários