fbpx

Nesta quinta (26), ato de apoio à luta dos estudantes contra o fechamento de escolas estaduais

A Frente Povo Sem Medo, integrada pelo MTST, Intersindical e diversas outras entidades, chamam para uma manifestação em defesa da luta dos estudantes secundaristas

Desde o dia 09 de novembro, estudantes de todo o estado de São Paulo travam uma luta sem trégua contra a política de fechamento de escolas e períodos imposto pelo governador Geraldo Alckmin.

O projeto que atende pelo nome de reorganização das escolas. pretende fechar 94 escolas, deslocar 311 mil alunos para escolas mais distantes, o que implicará também em demissão de professora, professores e funcionários.

Até o momento são quase 180 escolas ocupadas por estudantes com a ajuda de professores, pais e movimentos.

O governo de Geraldo Alckmin (PSDB) e seu Secretário de Educação do Estado, Herman Voorwald, de primeiro tentou vencer pela força da Polícia Militar, não deu certo. Depois pela judicialização e criminalização da luta, não deu certo. Agora quer vencer pelo cansaço. Como disse em entrevista recentemente, “ninguém é de ferro”.

No entanto, os estudantes resistem, ocupam mais escolas e boicotam o Saresp num exemplo heróico de disposição para derrotar a política destruidora da escola pública.

Por isso estaremos nesta quinta-feira chamando a todos e todas a tomarem as ruas de São Paulo em apoio a luta dos estudantes contra o fechamento de escolas.

Serviço:
Ato de Apoio à Luta dos Estudantes Contra o Fechamento de Escolas
Quinta-feira (26), às 14h, no Masp
Clique aqui e confirme sua presença no Facebook!

Leia também:
Nota da Intersindical em apoio às ocupações nas escolas estaduais
Tribunal de Justiça de SP desautoriza reintegração de posse de escolas ocupadas
Renata Hummel: 7 motivos para admirar os estudantes paulistas
Jorge Souto Maior: A aula dos “secundas”

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top