MTST ocupa terreno em Ceilândia na luta por moradia

MTST ocupa terreno em Ceilândia na luta por moradia

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

O Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) ocupou, na madrugada deste sábado (4), um terreno de cerca de 270 mil m² na região do Pôr-do-Sol, em Ceilândia. 150 famílias estão no local.

A ocupação quer a construção de moradias populares dentro do programa Habita Brasília, como forma de cumprimento das diversas promessas já feitas pelo GDF ao MTST, como liberação de terrenos e inscrição na Codhab – ações prometidas, mas jamais executadas.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

O MTST apoia, também, a regularização dos condomínios do Pôr-do-Sol e Sol Nascente, que já aguardam há anos a sua legalização por parte do governo.

O movimento se junta à população do DF na luta contra o abusivo aumento das tarifas do transporte, que chega a absurdos 25% em algumas linhas e já é alvo de duas ações na Justiça. Além disso, cobra do GDF outra postura frente à crise hídrica, já que o governo realiza hoje um verdadeiro racionamento seletivo, priorizando as regiões mais pobres na redução do consumo de água. 

A ocupação é por tempo indeterminado, até que sejam resolvidas as promessas do GDF, e o movimento espera negociação rápida por parte do governo.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Manifestação contra a #PEC32
Manifestação contra a #PEC32
#7SForaBolsonaro
#7SForaBolsonaro
Raul Campos, trabalhador da #PROGUARU, no 7S Fora Bolsonaro!
Raul Campos, trabalhador da #PROGUARU, no 7S Fora Bolsonaro!
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários