MST ocupa fazenda Ouro Verde, em Itirapuã, interior de São Paulo.

MST ocupa fazenda Ouro Verde, em Itirapuã, interior de São Paulo.

Compartilhe

Na manhã de hoje, cerca de 200 famílias de trabalhadores e trabalhadoras rurais sem terra, do MST, ocuparam a fazenda Ouro Verde, em Itirapuã, próxima ao município de Franca-SP. A fazenda é objeto de ação federal por crime contra a liberdade individual.

Em 2013, a Polícia Federal e o Ministério Público do Trabalho libertaram 28 trabalhadores da condição análoga à escravidão, prendendo, na ocasião, o proprietário, Ademir Andrade de Oliveira, e se capataz, Miguel Ferreira de Almeida.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Para a direção do MST, “a fazenda deve ser expropriada e destinada para a reforma agrária, conforme prevê o artigo 243 da Constituição Federal. Assim, exigimos sua destinação imediatada para o assentamento das 200 famílias do acampamento Irmã Dorothy, que há quatro anos lutam pelo direito à terra”.

Local: Rodovia Ronan rocha km 1, na divisa entre Itirapua e Capetinga.

mst-019_03

 

Fonte: MST

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários