fbpx

Veja a programação da 3ª Feira Nacional da Reforma Agrária, do MST

MST dá início à 3ª Feira Nacional da Reforma Agrária

Apresentando produção dos assentamentos e acampamentos de Reforma Agrária de todas as regiões do Brasil, MST ocupa o Parque da Água Branca com alimentos saudáveis e cultura camponesa

Delegações de todo o país carregando o fruto das lutas dos trabalhadores rurais de 23 estados e do Distrito Federal ocupam nesta quinta-feira (3/05) até domingo (6/05) o Parque da Água Branca. A 3ª Feira Nacional da Reforma Agrária é uma iniciativa do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) para dialogar com a sociedade sobre a necessidade de outro modelo de alimentação, a partir da produção camponesa com alimentos saudáveis.

“O que vem pra Feira é parte daquilo que eu alimento também a minha família”, indica Antônia Ivoneide, a Neném, como é conhecida a agricultora, integrante da Direção Nacional do MST. “Vamos nos alimentar (e bem) aqui na Feira, como eu, como parte da comunidade que eu vivo, numa relação direta de respeito”, completa. A Feira Nacional da Reforma Agrária funciona diariamente das 8h às 20h.

Além da comercialização de alimentos in natura e agroindustrializados, há uma vasta programação de seminários e shows com artistas amigos do MST. Ilê Aiyê, Otto, Martinho da Vila, Siba, Tião Carvalho, Ana Cañas, a Escola de Samba Paraíso do Tuiuti e dezenas de grupos culturais animam o evento que tem entrada gratuita.

“A Culinária da Terra traz para São Paulo o gosto da cozinha do campo, das camponesas e dos camponeses fazendo a alimentação”, salienta Neném. E convida: “você que vive nessa cidade grande, venha ter um momento do campo aqui na Feira. Venha provar os sabores das mais de vinte cozinhas da Culinária da Terra, tocar, sentir o cheiro, perguntar como é cozido, preparado. É o momento de conhecer e ter contato com essa dimensão da cultura do alimento e do viver no campo”.

Um Café Literário está montado no centro da arena do parque, com a presença da Editora Expressão Popular e do Armazém do Campo. Ainda, há troca de sementes, exposição de artesanatos, programação infantil e uma grande conferência no sábado (5/05) sobre “Alimentação saudável e o combate permanente aos agrotóxicos”.

Martinho da Vila, Otto e Ilê Ayê estão na Feira Nacional da Reforma Agrária em SP

Além de mais de 200 toneladas de alimentos orgânicos e sem agrotóxicos produzidos em 23 estados do Brasil, trazidos à capital paulista por cerca de 800 feirantes oriundos de cooperativas rurais e propriedades familiares, o evento contará ainda com intensa programação cultural de quinta-feira a domingo.

A programação conta com grandes nomes da cultura brasileira e outras atrações estão em fase de confirmação:

Quinta-feira (03/05)

16h: Cantadeiras do MST
17h: Grupo Mistura Popular e artistas do MST

Sexta-feira (04/05)

10h: Trem de Cordas
13h: Slam do Grito
17h: Siba
18h30: Tião Carvalho

Sábado (05/05)

16h30: Ana Cañas
17h30: Otto
18h30: Ilê Aiyê

Domingo (06/05)

12h: Cida e Edinho
13h: Caravana Solidão
17h30: Bateria da Tuiuti
18h45: Martinho da Vila

Fonte: MST e Brasil de Fato


CLIQUE E ACOMPANHE A INTERSINDICAL NAS REDES

Facebook Intersindical

Instagram Intersindical

YouTube Intersindical

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top