fbpx

Greve Geral: Bloqueios em ruas e rodovias contra as Reforma Trabalhista e Previdenciária, pelo Fora Temer e Diretas Já

Saiba mais:
→ Greve Geral: desde a madrugada com trabalhadores nas ruas em defesa da aposentadoria e dos direitos trabalhistas!
→ Baixe o jornal da GREVE GERAL de 30/06


Protestos contra as reformas trabalhista e da Previdência e pelo “Fora Temer” já são registrados em pelo menos 21 estados e o Distrito Federal

Manifestantes em Greve Geral marcam a manhã desta sexta-feira (30) com bloqueios em rodovias, avenidas e ruas das principais capitais do país em protestos contra as reformas trabalhista, previdenciária e pela deposição do presidente Michel Temer.

O Rio de Janeiro já  está em estado de atenção. Por volta das 6h30, já havia um bloqueio na avenida 20 de Janeiro, que permite a chegada ao aeroporto do Galeão. Também foram registrados bloqueios na saída da ponte Rio-Niterói , na Av. Brasil e na linha vermelha. Estão programados protestos na Central do Brasil à tarde.

Em São Paulo, manifestantes segurando faixas com frases contra as reformas do governo fizeram barricadas com fogo, no km 16, da rodovia Anchieta, na região de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo.

Também houve paralisações na agências bancárias da capital e Grande São Paulo.

Itaú Brigadeiro (São Paulo, capital)

Caixa Econômica Federal no Brás (São Paulo, capital)

Itaú – Viaduto Metálico (São Paulo, Osasco)

Banco Santander (São Paulo, Osasco)

Petroleiros do ABC Paulista e litoral também aderiram aos protestos contra as reformas do governo. Também foram registrados protestos em Mauá, na Grande SP,  em Santos, no litoral paulista.

Em Campinas, os grevistas atearam fogo em pneus e pedaços de madeira na rodovia Santos Dumont, a única que dá acesso dos moradores da cidade ao aeroporto internacional de Viracopos.

Na capital paulista, manifestantes fizeram caminhada pela Av.Roberto Marinho até o aeroporto de Congonhas, onde ocuparam o saguão. A Ponte do Socorro foi interditada. Manifestantes também caminharam em direção à avenida Ayrton Senna.

Em Brasília (DF), a greve deste 30/06 já paralisou o transporte coletivo de ônibus e metrô. O Metrô-DF divulgou em seu site que não vai funcionar durante todo o dia.

O Governo do DF informou que a Esplanada dos Ministérios ficará interditada para o acesso de veículos. A Polícia Militar está pronta para impedir que os manifestantes cheguem perto do gramado. Protestos das centrais sindicais estão programados para a tarde.

No sul do país, manifestantes interditaram por volta das 5h a rodovia BR-293, na região de Candiota, no Rio Grande do Sul. Grevistas também queimaram pneus na rodovia BR-116, em Porto Alegre.

Na capital gaúcha, a Brigada Militar e o choque foram chamados para garantir a saída dos ônibus nas garagens.

No Paraná, a Rodovia do Xisto, que fica entre Curitiba e Auracária e é via de acesso à refinaria Repar foi interrompida pelas manifestações em defesa dos direitos.

Em Santa Catarina, um grupo bloqueou totalmente a rodovia BR-470, em Navegantes, próximo por volta das 5h30.

Na Bahia, os condutores de Salvador aderiram aos protestos. A BR 235, na altura de Remanso, no Norte da Bahia, foi fechada por volta das 8h, por centenas de trabalhadores e trabalhadoras.

Na  região metropolitana do Recife, motoristas e cobradores paralisaram coletivos na Avenida Guararapes, Conde da Boa Vista e Ponte Duarte Coelho, região central da capital pernambucana. O Metrô do Recife funciona em esquema especial. A BR 101 ficou travada nos dois sentidos em Recife, na luta contra esse governo reformista.

Em Ouricuri, Sertão do Araripe Pernambucano, a juventude esteve à frente do trancamento da PE 122. No mesmo município, a BR 116 também foi trancada por trabalhadores rurais.

Até o momento já foram registrados atos no DF e nos seguintes estados: Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins.


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top