Governo Temer ataca com força total os servidores dos correios

Governo Temer ataca com força total os servidores dos correios

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Os ataques aos direitos dos Trabalhadores e Trabalhadoras ecetistas continuam. Na reunião desta quarta-feira, 31 de agosto, a 8ª no processo de negociações coletivas, a Empresa apresentou mais propostas de cortes e retrocessos.

Ataques econômicos

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

  • Imposição do banco de horas: mecanismo de aumentar a exploração do trabalhador;
  • Flexibilização da jornada de trabalho com redução de salário;
  • Redução do número de tickets (de 27 a 30 para 23 a 26)Aumento da coparticipação do vale alimentação (de 0,5%, 5% e 10% para 5%, 10% e 15%, a depender da faixa NM do trabalhador);
  • Retirada do Vale Peru;
  • Retirada do Vale Cultura;
  • Redução de um ano de auxílio creche – benefício valia para filhos de até 7 anos de idade, agora querem passar para 6;
  • Plano de Saúde com mensalidade e retirada dos pais como dependentes, conforme a empresa deu a entender em sua apresentação;
  • Salário passa a ser pago no 5º dia útil, e não mais no último dia útil de cada mês.As multas de trânsito serão arcadas pelos trabalhadores motorizados;
  • Fim do parcelamento do adiantamento de férias;
  • Retirada do anuênio dos novos trabalhadores;
  • Exclui a cláusula do ticket em caso de afastamento;
  • Restrições às indenizações em acidentes de trabalho;
  • Ataques às condições de trabalho;
  • Exclui a cláusula da entrega matutina;
  • Corte do intervalo de 10 minutos de quem trabalha nos terminais computadorizados;
  • Fim da obrigatoriedade da emissão da CAT em caso de assaltos;
  • Fim do pagamento das consultas e medicamentos aos portadores de HIV;
  • Sem novo concurso público, e continua com o Plano de Demissão Voluntária – PDV.

Leia mais em: http://www.sindecteb.com.br/?p=4866

INTERSINDICAL – Central da CLasse Trabalhadora

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
1 Comentário
Mais antigos
Mais recentes
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
ELISANGELA FORTES JAHN
ELISANGELA FORTES JAHN
5 anos atrás

Porque não tira os benefícios desses filho da mãe que ganham absurdo ….e só sabem roubar …tem que tirar das formigas que carregam esse Brasil.E isso que merecemos por pagar nossos impostos..e pagar pela ladroagem dos políticos.