Governo cancela campanha publicitária pró-reforma da Previdência

Compartilhe

Saiba mais:
→ O fato mais importante ocorrido dia 18/05: a paralisação das reformas trabalhista e previdenciária
→ Nota: Nenhuma reforma! Fora Temer. Diretas já. Soberania popular nas ruas e nas urnas


A crise no governo Temer atingiu em cheio as reformas defendidas pelo presidente. Porém, além de congelar a tramitação das matérias no Congresso Nacional o governo também decidiu cancelar as propagandas pró-reforma da Previdência que estavam sendo veiculadas desde março.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Um e-mail enviado pelas agências que atendem o governo foi enviado a todos os veículos solicitando que a campanha reforma da previdência – 2ª fase – fosse retirada do ar imediatamente. A princípio, a campanha duraria até junho.

“Em virtude dos últimos acontecimentos, estamos solicitando o cancelamento das autorizações da campanha reforma da previdência 2ª fase”, diz o texto.

Fonte: Previdência: Mitos e Verdades / Por Gabriel Pontes, do Brasília Capital

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários