fbpx

Ex-funcionários de jornal exigem direitos trabalhistas e ocupam prédio da JBS em Belo Horizonte

Ex-funcionários do jornal Hoje em Dia, de Belo Horizonte (MG), ocuparam o prédio onde funcionava a sede do periódico, no bairro de Santa Efigênia, na capital mineira. Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) também participam da ocupação.

Os 150 funcionários do jornal foram demitidos há mais de um ano e até agora não receberam os direitos trabalhistas nem o salário do último mês. 

O prédio, segundo o empresário e sócio da JBS Joesley Batista, teria sido comprado pelo grupo de forma superfaturada à Ediminas, que era proprietária do jornal, por R$ 17 milhões. A compra do imóvel teria sido feita, segundo Batista, a pedido do senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG).

Em sua delação premiada, Joesley Batista disse não ter conhecimento de como o dinheiro da transação teria chegado até o parlamentar tucano. A aquisição do imóvel foi feita em nome da J&F, controladora da JBS, em 2015.

Segundo os ex-funcionários do jornal Hoje em Dia, havia a expectativa que o prédio fosse penhorado para o pagamento de dívidas trabalhistas.


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top