Em Santa Catarina falta de servidores na Maternidade Carmela Dutra causa fechamento de setor

Na última terça-feira (22), a presidente do SindSaúde/SC Edileuza Fortuna concedeu uma entrevista ao Jornal do Almoço sobre a falta de servidores na Maternidade Carmela Dutra.

A denúncia surgiu depois do anúncio, pela direção da unidadade, do fechamento do posto 3 da Maternidade, que atende, além de outras especificidades, pacientes com problemas oncológicos.

Essa situação acontece não só na MCD, que apresenta déficit de 50 servidores, mas também em várias unidades do estado. O SindSaúde/SC vem constantemente denunciando esse descaso do Governo do Estado e da Secretaria de Estadual de Saúde, que se negam a chamar servidores públicos, com concurso vigente desde 2012.

Na última prestação de contas da SES, o secretário João Paulo Kleinubing se comprometeu a chamar 280 servidores, quantidade que ainda não supre a demandas dos hospitais no estado. Queremos saber, quando será essa chamada? Quando o Estado vai aumentar o investimento na saúde pública e realmente se preocupar com seus servidores e a população?

*

Top