Trabalhadores da EBC entram em greve para preservar direitos ameaçados

Trabalhadores da EBC entram em greve para preservar direitos ameaçados

EBC em greve: Trabalhadores da EBC entram em greve para preservar direitos ameaçados

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

EBC em GREVE

A decisão foi tomada na última sexta-feira, (10), em assembleia nacional da campanha salarial, com a presença de empregados das praças de São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Maranhão, com 262 votos a favor da greve, 14 votos por nova assembleia na quinta-feira (16) e nove abstenções.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.


EBC em Greve, saiba mais:

Greve na EBC: Nota de solidariedade da Intersindical


A data-base das categorias é 1º de novembro. Os trabalhadores reivindicam 4% de reajuste para repor a inflação do período e perdas acumuladas. Porém, após oito rodadas de negociação, a direção da EBC não aceita reajustar nenhuma das cláusulas econômicas e afirma que não vai avançar em relação à proposta de 0%.

Além dos salários, os trabalhadores ficariam sem reajuste benefícios como ajuda-alimentação, auxílio às pessoas com deficiência, auxílio-creche e seguro de vida em grupo.

Além de reajuste zero, a direção da empresa quer retirar direitos como o vale cesta-alimentação (pago somente em dezembro e junho), a garantia de translado aos trabalhadores por questões de segurança, a complementação de auxílio previdenciário, a realização de homologações das rescisões de contrato nos sindicatos, o vale-cultura, a multa pelo descumprimento do acordo coletivo e até o fim do quinquênio para os que ingressarem na empresa.

A EBC é responsável pela TV Brasil, TV Brasil Internacional, Agência Brasil, Portal EBC, Radioagência Nacional, além de oito emissoras de rádio, como as Rádios Nacional do Rio de Janeiro e de Brasília e as Rádios MEC AM e FM. Opera também serviços como o canal de televisão NBr e o programa de rádio “Voz do Brasil”.

Greve

Essa é o terceiro movimento grevista deflagrado pelos trabalhadores. O primeiro foi em 2013 e o segundo em 2015. A greve deste ano teve início na madrugada de segunda para terça, à 00h, já paralisando os primeiros funcionários da empresa. Na terça-feira estão previsto piquetes durante toda a manhã. Uma nova assembleia está marcada para às 13h a fim de avaliar as mobilizações.

Fonte: Sindicato dos Jornalista do DF e Portal Vermelho
Foto: Sindicato dos Jornalistas do DF


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários