Debate sobre “115 Anos da Fotografia Cubana”, na Regional Campinas do Unificados

Debate sobre “115 Anos da Fotografia Cubana”, na Regional Campinas do Unificados

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

O Sindicato dos Químicos Unificados, o Observatório de Gestão Pública do Trabalhador, Globocine e TV Movimento promovem uma palestra com o fotógrafo cubano Mario Diaz (autor da imagem acima), que falará sobre os 115 anos da fotografia cubana, no dia 27/10 (terça-feira), a partir das 19h, na Regional Campinas do Unificados. Na sequência haverá um bate papo sobre arte, memória e política.

Mario Diaz também foi convidado a realizar uma série de retratos dos moradores de Campinas, que serão expostos nas janelas do Museu da Cidade e na Estação Cultura.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

O evento é aberto e direcionado a todos os interessados em fotografia, comunicação, artes, história e informações a respeito de Cuba, com ingresso gratuito.

Mario Diaz

Mario Diaz foi fotógrafo oficial do Departamento de Fotografia do Ministério da Cultura de Cuba, entre os anos 1979 – 1985. De 1994 a 2000 foi Diretor da Fototeca de Cuba (Conselho Nacional de Artes Plásticas). Realizou exposições no Japão, França, Espanha, Inglaterra, EUA, Argentina e Brasil, entre outros. Participou de várias coletivas sobre fotografia cubana, e faz parte do livro “Cuba – 100 Años de Fotografia”, publicado na Espanha – Antologia da Fotografia Cubana de 1898 a 1998.

Entre as exposições ressalta-se “CUBA SI”, em 2005, na cidade de Tóquio, Japão, onde ministrou curso no Instituto Politécnico da Universidade de Tóquio. Fez uma exposição individual em 1988: “Mario Diaz: Fotografías imágenes y sonido”, no Museu de Arte de São Paulo (MASP); e realizou uma exposição individual na cidade de Salvador, Bahia. Em 2003 foi o curador da exposição “Gracias a la Vida” dedicada a seu amigo Alberto Korda, que foi exposta na Itália em 2004 e em outros países. Em 1983 Diaz recebeu o “Prêmio de Fotografia Contemporânea de Latino América e Caribe”.

Suas obras fazem parte de coleções privadas e de museus. No ano de 2007, em ação conjunta, pelo reconhecimento do mérito de sua trajetória artística, o Ministério de Cultura, o Ministério de Educação Superior e o Instituto Superior de Arte lhe outorgam o título de “Categoria Docente Especial de Profesor Consultante del Instituto Superior de Arte (ISA)”.

Fotografias feitas em Cuba por Mario Diaz

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Nilza, pela Intersindical, neste #24JForaBolsonaro na Paulista
Nilza, pela Intersindical, neste #24JForaBolsonaro na Paulista
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, neste #24JForaBolsonaro, na Paulista
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, neste #24JForaBolsonaro, na Paulista
Camila, das Brigadas Populares, no #24JForaBolsonaro na Paulista
Camila, das Brigadas Populares, no #24JForaBolsonaro na Paulista
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários