Contra a retirada de direitos, trabalhadores ocupam a Avenida Paulista

Contra a retirada de direitos, trabalhadores ocupam a Avenida Paulista

Compartilhe

Leia também:
→ Semana crucial de luta na Câmara em defesa dos serviços e empresas públicas
Resolução da Direção Nacional da Intersindical reunida nos dias 6 e 7 de agosto


Contra a retirada de direitos dos trabalhadores e ataques do governo golpista de Michel Temer (PMDB-SP), trabalhadores da Intersindical – Central da Classe Trabalhadora e de diversas centrais sindicais ocuparam a Avenida Paulista nesta terça-feira(16) em frente à FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) para realizar o ‘Dia Nacional de Mobilização e Luta pelo Emprego e pela Garantia de Direitos’.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

“Não aceitamos perder nossos direitos conquistados. A Intersindical tem uma posição muito clara a respeito desse governo e de todo o processo que o alçou. A nossa unidade é com todos aqueles que não aceitam a Reforma da Previdência, a prevalência do negociado sobre o legislado, a avanço da terceirização a entrega do Pré-sal”, disse Edson Carneiro Índio, Secretário Geral da central.

De acordo com ele, centrais de todo o país estão tentando construir a unidade para parar o país e para barrar e lutar contra a retirada de direitos da classe trabalhadora. Ele enfatiza que é preciso reduzir a taxa de juros, lutar por um modelo econômico de geração de empregos, distribuição de renda e de transformação social.

“Chega de ouvir o Paulo Skaff (presidente da FIESP) falar em pato! Queremos é que ele pague seus impostos sobre seu jatinho e suas propriedades. Queremos um modelo democrático que garanta a distribuição de renda. Para isso o que precisamos de uma reforma tributária para taxar os ricos e os banqueiros. Precisamos de uma reforma política para acabar com a bandalheira do Congresso Nacional”, alertou. “Michel Temer, tire as mão dos nossos direitos, da CLT e da previdência”, continuou.

Unidade das Centrais Sindicais

De acordo com o manifesto redigido pelo conjunto das centrais, a construção da unidade e de uma ampla greve geral visa reivindicar a adoção das seguintes medidas:

  • Redução da taxa de juros que viabilizem a retomada do crescimento industrial;
  • Redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução de salários;
  • Retomada do investimento público e privado em infraestrutura produtiva, social e urbana, ampliando os instrumentos para financiá-la;
  • Retomada e ampliação dos investimentos no setor de energia, como petróleo, gás e fontes alternativas renováveis, em especial a Petrobrás;
  • Defesa do Pré-Sal e contra o PL 131 que retira da Petrobrás o direito de atuar como operadora e possuir participação mínima de 30% nos consórcios de exploração do Pré-Sal;
  • Destravamento do setor de construção por meio de instrumentos institucionais adequados, que garantam a manutenção das atividades produtivas e dos empregos nas empresas do setor;
  • Criação de condições para o aumento e manutenção da produção e das exportações da indústria de transformação;
  • Fortalecer políticas que deem sustentação ao setor produtivo, de adensamento das cadeias e reindustrialização do País, com contrapartidas sociais e ambientais;
  • Incentivos às políticas de fortalecimento do mercado interno para incrementar os níveis de produção, consumo, emprego, renda e inclusão social;
  • Contra o PL 257 que repactua o pagamento das dívidas dos estados com a União e congela investimentos no serviço público impedindo novos concursos públicos e reajustes salariais;
  • Contra a PEC 241/2016 que congela os investimentos públicos por 20 anos para pagar a dívida pública, causando danos à saúde, educação, transporte, entre outros.

Dia Nacional de Mobilização - Alê (1)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (2)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (4)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (5)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (6)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (7)

Dia Nacional de Mobilização - Alê (8)

Dia Nacional de Mobilização - Nelsinho (6)

Dia Nacional de Mobilização - Nelsinho (7)

Dia Nacional de Mobilização - Nelsinho (8)

Dia Nacional de Mobilização - Nelsinho (9)

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários