Contra privatização, Sindicato lança cartilha em defesa da Petrobras

Contra privatização, Sindicato lança cartilha em defesa da Petrobras

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Como uma das ferramentas de conscientização da categoria e da população, o Sindipetro-LP preparou uma cartilha com informações e dados que derrubam o argumento de que a Petrobras precisa vender ativos e concentrar recursos na produção de petróleo para salvá-la  de crise financeira, causada principalmente por endividamento e corrupção.

No anúncio do Plano de Negócios e Gestão (PNG) 2015-2019, apresentado no dia 26 de junho ao Conselho de Administração (CA), a diretoria da Petrobras relatou um cenário de total dependência financeira da companhia, que tem como principal objetivo pagar os empréstimos feitos nos últimos anos e que sugarão toda arrecadação prevista nos próximos quatro anos. Além dos credores, Bendine quer “buscar condição de gerar valor e rentabilidade para o acionista”, como disse em ocasião do anuncio do plano de negócios.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

A cartilha, “Por uma saída dos trabalhadores contra o desmonte da Petrobrás”, foi criada com base em informações do Instituto Latino-Americano de Estudos Socioeconômicos (Ilaese), que demonstra com dados do mercado e da Petrobras, a estratégia criada para promover a venda da empresa. Segundo o PNG, está previsto o desinvestimento de mais de US$ 57 bilhões em ativos.

Assim como no leilão do campo de Libra, vendido por R$ 15 bilhões e que apresenta potencial de produção confirmado na ordem de 60 bilhões de barris, podemos esperar negócios prejudicais aos cofres da empresa, uma vez que o padrão da diretoria da Petrobras é favorecer investidores, colocando como base de cálculo os piores índices econômicos, rebaixando o valor da companhia no mercado.

Por causa da má gestão da Petrobras e dos negócios depreciativos pautados pelo CA, que ganhou mais poderes recentemente, está na conta da privatização a demissão de mais de 100 mil trabalhadores de 2014 para cá, entre próprios e terceirizados.

A cartilha é uma das iniciativas do Sindicato contra a campanha promovida pelo mercado, que visa tirar do Brasil os poderes sobre as reservas do petróleo. Além da cartilha o Sindipetro-LP, outras bases estão se articulando para mobilizar a categoria contra as investidas da diretoria executiva e do CA. Cabe à categoria petroleira, única responsável pelo crescimento da estatal e principal prejudicada pelos desmandos dos gestores da companhia, o papel de defender o patrimônio da Petrobrás, criada para promover os avanços do país e não enriquecer acionistas.

Estamos juntos, companheiros, pois só com união poderemos vencer este desafio!

Fonte: Sindipetro-LP

 

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários