fbpx

Contra a terceirização e ajustes fiscais, trabalhadores travaram a Anhanguera

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora

Com faixas contra o PL da terceirização centenas de trabalhadores travaram a Rodovia Anhanguera, na altura do quilômetro 28 de São Paulo, por volta das 6h30 da manhã desta sexta-feira.

A paralisação da circulação na rodovia teve participação da INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora, MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra), MTST (Movimento dos Trabalhadores sem Teto) e Terra Livre – Campo e Cidade.

A atividade faz parte do “Dia Nacional de Paralisação e Manifestações Rumo à Greve Geral”, convocado pela Intersindical e diversas centrais sindicais por todo o Brasil.

Por cerca de duas horas ambas as vias foram ocupadas pelos trabalhadores organizados não apenas contra o PL (Projeto de Lei) da terceirização, mas também contra os ajustes fiscais provocados pelas MPs (Medidas Provisórias) 664 e 665. Esta última, aprovada pelo Senado na terça-feira, 26.

Em relação ao projeto de terceirização, o chamado PL 4330 tramita na forma de PLC 30, também no Senado, e aguarda votação por esta casa. Este projeto, como a Intersindical já alerta há muitos anos, amplia a possibilidade de terceirização a todas as atividades, precarizando, assim, ainda mais as relações de trabalho, emperrando o direito trabalhista e desmontando a luta dos trabalhadores sindicalizados.

Leia também:
Centenas de trabalhadores paralisam a Baixada contra terceirização

Com o avanço destes projetos no Congresso, formado por uma bancada ligada diretamente ao empresariado e setores conservadores, trabalhadores de todo o Brasil, revoltados, organizaram as manifestações que estão acontecendo hoje por todo o país.

Veja as fotos da manifestação na Anhanguera:

[cincopa AsNAdmsg8FuK]

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top