fbpx

Direitos Humanos articles

Confronto entre indígenas e fazendeiros deixa um morto e 6 feridos em Caarapó

Confronto entre indígenas e fazendeiros deixa um morto e 6 feridos em Caarapó

Um confronto entre um grupo de índios e produtores rurais de Caarapó resultou na morte de um indígena e deixou mais seis feridos. A confusão aconteceu na manhã de hoje (14), na Fazenda Ivu, localizada próxima a aldeia indígena te’ Ýikue. Informações dão conta que em um primeiro momento cinco pessoas deram entrada no Hospital

Acordo do governo com a Samarco ignora os 1.640 desabrigados atingidos pelo desastre em Minas

Atingidos por rompimento de barragem em Mariana exigem participação em acordo de reparação de danos e Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados decide fazer nova diligência à região do maior acidente ambiental da história do País O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) pediu, em audiência na Comissão de Direitos Humanos da Câmara,

Carta Aberta à Sociedade Brasileira sobre o relatório apresentado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal sobre a PEC 115/2015

A Frente Nacional Contra a Redução da Maioridade Penal, coletivo formado por centenas de defensores de direitos humanos, ativistas e profissionais do Sistema de Garantia de Direitos, fóruns, movimentos e organizações da sociedade civil, vem a público apresentar sua indignação e repúdio ao relatório e substitutivo apresentado pelo Senador Ricardo Ferraço (PSDB/ES), relator da PEC

Mais de 3.000 trabalhadores em condições análogas à escravidão no Brasil; 50 mil nos últimos 21 anos

Quase 130 anos após a assinatura da Lei Áurea, que “aboliu” a escravatura no Brasil no dia 13 de maio de 1888, a Advocacia Geral da União (AGU) atuou em mais de 3.291 processos judiciais somente nos últimos anos. Nos últimos 21 anos o número atinge 50 mil. Triste realidade da falta de qualidade dos

Governo adia demarcações de terras anunciadas e frustra expectativa dos povos indígenas

Na tarde desta sexta-feira (29), durante a primeira reunião do Conselho Nacional de Política Indigenista (CNPI), instalado na última quarta (27), o Ministro da Justiça, Eugênio Aragão, divulgou que as demarcações de terras indígenas que estavam previstas para serem oficializadas nesta tarde ficarão para a semana que vem, frustrando muitas lideranças indígenas presentes no evento.

Nota de solidarieade aos presos políticos e repúdio ao poder judiciário da comarca de Anajatuba

Reunidos aqui em São Paulo, dirigentes de movimentos sociais do país inteiro, queremos manifestar a nossa solidariedade aos presos políticos de Anajatuba, ao mesmo tempo em que tornamos público o nosso mais veemente repúdio à criminalização de seus militantes e dirigentes sociais, que lutam em defesa dos campos públicos e naturais de Anajatuba e da

MST – Cronologia aponta massacre de trabalhadores rurais em Quedas do Iguaçu: Polícia Militar emboscou e atirou para matar

A cronologia dos fatos aponta para irregularidades na investigação da Polícia Militar e vai contra a versão apresentada pela polícia. O ataque promovido pela Polícia Militar a trabalhadores rurais sem terra, no último dia 7, em Quedas do Iguaçu/PR, é  contado em cronologia construída a partir da coleta de depoimentos das vítimas. As falas revelam

Ministério Público Federal pede investigação de ameaças contra Leonardo Sakamoto

O Ministério Público Federal em São Paulo pediu à Polícia Civil que investigue as ameaças, inclusive de morte, contra o jornalista e militante de direitos humanos Leonardo Sakamoto. Conselheiro da ONU para a área de trabalho escravo, Sakamoto virou alvo de tentativas de intimidação desde que o jornal mineiro Edição do Brasil divulgou uma falsa entrevista

Xakriabá em Brasília: semana histórica

Quando deixaram suas aldeias, no norte de Minas Gerais, talvez não tivessem a exata noção de tudo o que iriam passar aqui em Brasília. Particularmente os jovens guerreiros e guerreiras que eram a maioria da delegação. Vieram com pauta específica: denunciar as violências e ameaças constantes, especialmente os Xakriabá de Cocos, na Bahia. Vieram também

Mais um indígena Tenetehar/Guajajara é assassinado a tiros e a pauladas em Amarante do Maranhão

Na madrugada do dia 11 de abril, Genésio Guajajara, de 30 anos, residente na aldeia Formosa, Terra Indígena Araribóia, Município de Amarante do Maranhão (MA), região Sul do estado, foi assassinado com pauladas e um tiro no tórax. Genésio estava na cidade para receber cesta básica, que estava sendo distribuída pela Fundação Nacional do Índio

Em nota, articulação dos povos indígenas da região Sul denuncia criminalização pela CPI da Funai/Incra

Em nota, a Articulação dos Povos Indígenas da Região Sul (ArpinSul) denuncia parlamentares que integram a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Funai e do Incra de criminalizarem lideranças indígenas e desrespeitarem o direito de consulta livre, prévia e informada dos povos indígenas ao realizarem diligências de forma truculenta em seus territórios tradicionais. Segundo a

Comissão Estadual da Verdade de São Paulo aponta médicos legistas que colaboraram com a ditadura militar

Médicos legistas também integraram o aparelho repressivo da ditadura militar, segundo o relatório elaborado pela Comissão Estadual da Verdade da Assembleia Legislativa de São Paulo. O documento que aponta 22 profissionais acusados de fraudar atestados de óbito foi apresentado em um debate na Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (USP), na zona

Aldeias Pataxó podem ser despejadas a qualquer momento por ação do governo federal

Seis aldeias Pataxó da Terra Indígena (TI) Comexatibá, no extremo sul da Bahia, podem sofrer ação de despejo a qualquer momento. Caso a ação ocorra, a responsabilidade será exclusiva do governo federal: os procuradores da Advocacia-Geral da União (AGU) entraram com o pedido de reintegração de posse na Justiça Federal de Eunápolis (BA) representando o

Número cai 59% em 20 anos, mas trabalho infantil ainda atinge 3,2 milhões

Crianças e adolescentes negros são os mais explorados: eles representam 62,5% do total no trabalho em geral e 73,4% no doméstico São Paulo – O trabalho infantil registra diminuição considerável no Brasil nas duas últimas décadas, mas ainda atinge quase 3,2 milhões. De 1992 a 2013, a redução do número de crianças e adolescentes (de

Em reunião na Câmara dos Deputados, relatora da ONU manifesta preocupação com retrocesso dos direitos indígenas no Brasil

Na tarde desta terça-feira (8/03), a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados (CDHM) realizou uma reunião com a relatora especial da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre direitos dos povos indígenas, Victoria Tauli-Corpuz. A reunião integra o roteiro de atividades previstas para a visita da relatora da ONU no Brasil, que

ONU, Anistia Internacional e Greenpeace criticam Lei Antiterrorismo e chamam atenção para violação dos direitos humanos

Em nota, o Escritório para a América do Sul do Alto Comissariado das Nações Unidas (ONU) para os Direitos Humanos afirmou que a Lei Antiterrorismo aprovada pelo Congresso brasileiro inclui definições “demasiado vagas e imprecisas, o que não é compatível com a perspectiva das normas internacionais de direitos humanos”. “Essas ambiguidades podem dar lugar a

Povos indígenas do Brasil: situação cada vez pior!

O dia começa com a sessão de pinturas, muito lindas e harmônicas fazendo com que seus rostos e corpos sejam ressaltados pela beleza de seus cocares e colares. Vários compromissos na agenda: contato com lideranças de partidos, diálogos com ministros, passeata no eixo monumental até a Praça dos Três Poderes, entrega de documentos e participação

Câmara volta a apreciar projeto que tipifica o terrorismo e criminaliza os movimentos sociais

O Plenário da Câmara dos Deputados iniciou nesta quarta-feira (24) sessão extraordinária para que os deputados analisem o projeto substitutivo do Senado ao Projeto de Lei 2016/15, do Poder Executivo, que tipifica o crime de terrorismo. O deputado Arthur Oliveira Maia (SD-BA) terminou de apresentar seu parecer, pelas comissões permanentes, e criticou a exclusão do

Proposta de decreto para Marco Civil traz riscos para neutralidade

Texto em consulta pública reafirma direitos conquistados na lei, mas abre brechas na neutralidade. Participação é fundamental para evitar retrocessos. Está aberto para consulta pública, até 29 de fevereiro, o texto do decreto presidencial que vai regulamentar o Marco Civil da Internet, uma das leis mais avançadas em todo o mundo em termos de proteção

Corte Interamericana de Direitos Humanos deve concluir neste ano o julgamento de trabalho escravo no Brasil

A Corte Interamericana de Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA), em San José (Costa Rica), realizou na última sexta-feira (19) a audiência sobre a existência de milhares de trabalhadores submetidos, entre 1989 e 2000, a trabalho escravo, forçado e servidão na Fazenda Brasil Verde, no Pará. Se condenado, o Brasil terá de ressarcir

Indígenas realizam 1ª Marcha pela Educação Escolar Indígena no Amazonas

Por volta das sete horas da manhã de quinta (18), mais de 800 indígenas iniciaram a Marcha pela Educação Escolar Indígena, em Manaus. Eles eram de 24 povos vindos de 26 municípios do interior do Amazonas. A partida se deu no Centro Cultural Povos da Amazônia, localizado no Polo Industrial de Manaus. No percurso eles

Organizações criticam veto de Dilma a projeto que fortalece línguas indígenas nas escolas e universidades

Organizações indígenas e ligadas à causa têm manifestado sua indignação com o veto da presidenta Dilma Rousseff ao Projeto de Lei (PL) 5.954-C/2013, de autoria do Senador Cristovam Buarque, que visa assegurar às comunidades indígenas a utilização de suas línguas maternas na educação básica, na educação profissional e na educação superior, bem como de processos

Guarani Mbya denunciam envenenamento de córrego por agrotóxicos em Capivari do Sul (RS)

A comunidade indígena do Povo Guarani Mbya, localizada nas margens da RS 040, entre os Km 60 a 62, no município de Capivari do Sul (RS), denunciou aos integrantes do Conselho Indigenista Missionário que agrotóxicos foram lançados diversas vezes sobre plantações de soja situadas próximas ao acampamento indígena, no lado direito da estrada, no sentido

Empresários que apoiaram o golpe de 64 construíram grandes fortunas com dinheiro público

Pesquisador afirma que no golpe dos empresários, a “mais beneficiada foi a Globo” Com mestrado na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo sobre os empresários e o golpe de 64 e em fase de conclusão do doutorado sobre os empresários e a Constituição de 1988, o professor Fabio Venturini esmiuçou os detalhes de “como

Ameaças contra Sakamoto são um alerta para jornalistas de todo o Brasil

Blogueiro do UOL e líder da ONG Repórter Brasil não é uma vítima isolada entre jornalistas; mas pode ser símbolo de um movimento necessário pela democracia Leonardo Sakamoto costuma encarar as violências verbais de seus leitores com uma dose de humor. Desta vez está sendo impossível. Após ter um texto sobre aposentados distorcido em um

Indígenas retornam para aldeia incendiada por jagunços no MS

Os indígenas Guarani e Kaiowá do tekoha – lugar onde se é – Kurusu Ambá, no município de Coronel Sapucaia (MS), retornaram nesta quinta (4) para a aldeia que foi carbonizada por pistoleiros. No dia 31 de janeiro, em meio a uma série de ataques violentos, as barracas e os pertences dos indígenas foram completamente

Herbert Anjos | Em Defesa da Segunda Abolição no Brasil

Tive a honra de representar a Intersindical – Central da Classe Trabalhadora na audiência pública sobre Trabalho Escravo, conduzida pelo Senador Paulo Paim (PT/RS), na última terça-feira (02/02). Além da presença de parlamentares, de representantes dos poderes públicos responsáveis por coibir o trabalho escravo, de lideranças da sociedade civil organizada e de sindicalistas, a audiência

Foto MPT

PLS 432/13 é retirado de pauta após audiência pública sobre trabalho escravo realizada no Senado

O projeto de lei que altera a legislação sobre trabalho escravo para excluir “jornada exaustiva” e “condições degradantes” de trabalho como condições análogas à escravidão (PLS 432/13) foi retirado da pauta desta quarta-feira (3/02) após a forte mobilização popular que lotou ontem (2) a audiência pública realizada sobre o tema na Comissão de Direitos Humanos

Intersindical participa de audiência pública sobre trabalho escravo nesta terça-feira (2) no Senado

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora participa nesta terça-feira (02/02) de audiência pública sobre trabalhado escravo, às 9h, no Plenário da Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal, representada pelo professor e militante da Intersindical, Herbert Anjos. Mestre em história pela Unb, Herbert Anjos é conhecido por sua luta e resistência aos ataques das forças

Após violento despejo, povo Pataxó retorna para reconstruir aldeia Cahy

Algumas horas bastaram para que, no dia 19 de janeiro, policiais destruíssem todas as casas, a escola e o posto de saúde do povo Pataxó da aldeia Cahy, na Terra Indígena (TI) Comexatibá, no extremo Sul da Bahia. Uma semana depois da violenta ação de reintegração de posse que desaloju os indígenas, destruiu seus lares

Dia 28 de janeiro é a data que marca o Combate ao Trabalho Escravo no Brasil

O Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo foi instituído após o assassinato brutal de três Auditores-Fiscais do Trabalho e do motorista que os acompanhava, no crime que ficou conhecido como Chacina de Unaí. O Dia 28 de janeiro é o dia do Auditor-Fiscal do Trabalho e Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. É

Organização internacional recomenda que Brasil combata abusos nas prisões

O Brasil tem que combater os abusos cometidos nas prisões e pela polícia, recomenda a organização internacional Human Rights Watch (HRW), no Relatório Mundial 2016 divulgado hoje (27). Em 2015, as mortes causadas por policiais – em serviço e fora de serviço – ultrapassarram 3 mil, com aumento de quase 40% em relação ao ano

No grande sertão, Comissão da Verdade busca as origens das injustiças fundiárias

Mais que investigar crimes da ditadura, Comissão da Verdade do Grande Sertão, no norte de Minas Gerais, irá às origens das injustiças fundiárias e ajudará povos tradicionais a retomar o seu lugar. Tiros na boca da noite. Em 1967, um grupo de camponeses no sertão mineiro resolveu resistir e lutar pela terra. Seis foram assassinados.

Ato contra a reintegração de posse no Tekoha Paranapuã, em São Vicente (SP)

Continua ocupada a sede do Parque Estadual Xixová-Japuí, dentro da Terra Indígena Paranapuã de nosso povo Guarani Mbya. A Polícia Militar e a Polícia Ambiental já estiveram na sede ocupada. Quando ocupamos a saída de todos os funcionários foi liberada e nossas lideranças estão cuidando do espaço. Nesse momento parte da comunidade da aldeia Paranapuã

Matrizes africanas se reunirão no MASP, pelo fim da intolerância e do racismo

2015 foi um ano em que as crenças de matriz africana sofreram atentados de todas as ordens contra o patrimônio material, físico, moral e espiritual. Muitos religiosos e seguidores sofreram com a violência e a intolerância religiosa. Invasões de terreiros, demonização ao culto dos orixás e até morte de uma Ialorixá fez deste ano um

Guarani Kaiowá retomam parte de seu território tradicional na Terra Indígena Taquara, no MS, e já sofrem ameaças

Na madrugada desta sexta (15), indígenas do povo Guarani e Kaiowá retomaram mais uma parte de seu território tradicional na Terra Indígena (TI) Taquara. A área retomada, sobre a qual está sobreposta uma fazenda, é conhecida pelos indígenas como Lechucha e integra a tekoha – lugar onde se é – Taquara, localizada junto ao município

Justiça proíbe Souza Cruz de firmar novos contratos de produção de tabaco no RN

A Souza Cruz está impedida de firmar novos contratos de compra e venda de tabaco no Rio Grande do Norte, sob pena de multa diária de R$ 10 mil. A decisão liminar da 4ª Vara do Trabalho de Natal resulta de ação do Ministério Público do Trabalho (MPT/RN), motivada por denúncia sigilosa que revela fraude

Justiça suspende licença de Belo Monte até a reestruturação da Funai no Pará

A Justiça Federal de Altamira determinou a suspensão da Licença de Operação da usina de Belo Monte, no Rio Xingu (PA). A medida vale até que a empresa Norte Energia, responsável pela construção e operação da usina, e o governo federal cumpram a obrigação de reestruturar a Fundação Nacional do Índio (Funai) na região para

MPF denuncia ação etnocida e pede intervenção judicial em Belo Monte

O Ministério Público Federal iniciou processo judicial na Justiça Federal em Altamira em que busca o reconhecimento de que a implantação de Belo Monte constitui uma ação etnocida do Estado brasileiro e da concessionária Norte Energia, “evidenciada pela destruição da organização social, costumes, línguas e tradições dos grupos indígenas impactados”. A ação etnocida comprovada por

Leonardo Sakamoto | Em breve, o Congresso vai aprovar o banimento dos direitos humanos do país

Leonardo Sakamoto – Amor, fecha rápido o vidro que tá vindo um “escurinho” mal encarado. – Aquilo são ciganos? Vai, atravessa a rua para não dar de cara com eles! – Não sou preconceituoso. Eu tenho amigos gays. – Tá vendo? É por isso que um tipo como esse continua sendo lixeiro. – Por favor, subscreva o abaixo-assinado. É

Em Brasília, indígenas manifestam-se contra Matopiba, usinas hidrelétricas e a PEC 215

Cerca de 200 indígenas dos povos Munduruku, do Pará (PA), e Xerente, Krahô, Ava-Canoeiro, Kanela de Tocantins, Karajá de Xambioá e Apinajé, do Tocantins (TO), realizaram diversas manifestações ontem em Brasília. Entre cantos e rituais, munidos de várias faixas, os indígenas manifestaram-se nos Ministérios da Agricultura e de Minas e Energia e no Congresso Nacional.

Novo código da mineração é redigido em computador de advogado das mineradoras Vale e BHP

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora já havia alertado que o Novo Código da Mineração, que tramita em regime de urgência na Câmara, só beneficia as mineradoras, sem citar uma linha sequer sobre prevenção de acidentes e avançando sobre a demarcação de terras indígenas e quilombolas. Mas agora a prova é concreta: a BBC Brasil

Sammer Siman | O Estado transnacional no Brasil

Sammer Siman* O mar de lama tóxica despejado pela mineradora Samarco/Vale/BHP fez mais que matar gente, rio, toda uma biodiversidade e deixar centenas de milhares de pessoas sem água. Ele desnuda o caráter privatista e transnacionalizado do Estado brasileiro, dada sua omissão e conivência diante do maior crime ambiental do país e a insistência dos

Povos e comunidades tradicionais denunciam destruição do Cerrado pelo Matopiba

Povos indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais do Cerrado, unidos a movimentos sociais e sindicais e organizações de apoio divulgaram, no último dia 25, uma carta aberta sobre a destruição do Cerrado pelo Plano de Desenvolvimento Agropecuário do Matopiba (PDA Matopiba). A carta é fruto é do I Encontro Regional dos Povos e Comunidades do Cerrado,

“Não temos tempo de esperar 4 mil anos”: povo Gamela retoma território tradicional no Maranhão

“Vamos minha gente jogar flecha no ar (bis) Estão derrubando as palmeiras que ainda tem neste lugar (bis). Vamos derrubar o arame para a terra libertar(bis).”  Com o tema “Revitalizando a cultura e tecendo nosso futuro”, o povo Gamela realizou, entre os dias 27 e 29 de novembro, a II Assembleia do povo, no seu

No Piauí, 30 trabalhadores de extração do pó da carnaúba são resgatados em condições análogas à escravidão

INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora O Ministério do Trabalho e Previdência Social flagrou e resgatou 30 trabalhadores em condições degradantes de trabalho numa ação de auditoria realizada em duas fazendas de extração da palha de carnaúba, na Zona Rural de Cajueiro da Praia (PI). Alguns trabalhadores dormiam no local de criação de ovinos, junto a

Malaak Shabazz, filha de Malcolm X, se assusta com tranquilidade negra ante o genocídio

Malaak Shabazz, filha de Malcolm X, se assusta com tranquilidade negra ante o genocídio

Em passagem pelo Brasil, a ativista dos direitos humanos e filha do líder negro norte americano Malcolm X, Malaak Shabazz, convidou a população negra a promover ações mais contundentes. Na entrevista que concedeu à imprensa negra após encontro com jovens na cidade de São Paulo, na tarde desta quinta-feira (19), a ativista diz ter se surpreendido pelo fato de as pessoas estarem tão tranqüilas diante da violência racista existente no Brasil.

Vergonha nacional: 1ª Marcha das Mulheres Negras é marcada por tiros, racismo e tumulto

Vergonha nacional: 1ª Marcha das Mulheres Negras é marcada por tiros, racismo e tumulto

A 1ª Marcha das Mulheres Negras, realizada quarta-feira (18) em Brasília, é o retrato da truculência e do avanço das forças conservadoras sobre os direitos das minorias e a forma como negros e negras são tratados no País. Tumulto, confusão, gás de pimenta e muito bate boca foram usados na tentativa de calar a voz de cerca de 50 mil mulheres negras que exigiam respeito à vida, igualdade de gênero e democracia social.

Malaak Shabazz, filha de MalcolmX, participa de encontro hoje no centro de SP

Pela primeira vez ao Brasil, a ativista Malaak Shabazz, filha do lendário líder negro Malcolm X (1925-1965), que ficou famoso nos anos 50/60 por lutar contra o regime racista dos Estados Unidos, vai falar nesta quinta-feira (12) sobre racismo, discriminação e resistência. A atividade é aberta ao público, e começará às 14h, no auditório da

Marcha das Mulheres Negras, dia 18 (quarta). Leia o manifesto!

Marcha das Mulheres Negras, dia 18 (quarta). Leia o manifesto e saiba porque estão marchando!

Nesta quarta-feira, 18, acontecerá a Marcha das Mulheres Negras em Brasília. Leia o manifesto e saiba porque estão marchando: ‘Somos 49 milhões de mulheres negras, isto é, 25% da população brasileira. Vivenciamos a face mais perversa do racismo e do sexismo por sermos negras e mulheres. No decurso diário de nossas vidas, a forjada superioridade do componente racial branco, do patriarcado e do sexismo, que fundamenta e dinamiza um sistema de opressões que impõe, a cada mulher negra, a luta pela própria sobrevivência e de sua comunidade. Enfrentamos todas as injustiças e negações de nossa existência, enquanto reivindicamos inclusão a cada momento em que a nossa exclusão ganha novas formas….’

Brasil precisa ter consciência de que não tem ainda uma democracia racial

Durante muito tempo se criou um mito de que no Brasil não havia racismo e que o país vivia numa verdadeira democracia racial. Será verdade? As estatísticas revelam: – Dos beneficiários do Bolsa Família, 10,3 milhões são negros, o que representa 75% do total do programa de complementação de renda. – Nos últimos quatro anos,

Terrorismo em Paris vira arma para agilizar lei antiterror que criminaliza e desarticula os movimentos sociais

O plenário da Câmara dos Deputados pode votar nesta terça-feira (17) o projeto de lei 2016/2015 que tipifica o terrorismo no Brasil e criminaliza os movimentos sociais e sindicais ao estabelecer o “ato de terrorismo por extremismo político quando o atentado for contra instituições democráticas, de forma a comprometer o funcionamento delas”. Em turno único,

Sinai-RN realiza debate sobre redução da maioridade penal

O SINAI promoverá no dia 27 de novembro, um Seminário que aborda a redução da maioridade penal. Com o tema: “Redução da Maioridade Penal – Melhora ou piora a segurança pública?”, o seminário tem como objetivo debater se a proposta de diminuir a maioridade penal de 18 para 16 anos vai auxiliar na redução do

“Eu estive no inferno durante 22 dias”. Relato comovente de uma mãe de presos políticos

Renata Hummel  “De madrugada no outro dia, bateram à minha na porta . Eram soldados com metralhadoras, invadiram a casa, mexeram em tudo e me levaram para o Dops de Niterói. Meu cachorro ficou preso dentro de casa, escondido debaixo da mesa como se soubesse o perigo de aparecer. Um homem me levou para o Rio. Estive no inferno por 22 dias.                                       (…) Fiquei em cima de uma sala de tortura ou coisa parecida, eu ouvia barulho de todo jeito, pareciam cabeçasbatendo nas paredes. A luz da cela ficava

Fundo anunciado por mineradora para ajudar vítimas da tragédia em Minas Gerais ainda não saiu do papel

O fundo anunciado pela BHP Billiton, Vale e Samarco Mineração para ajuda às vítimas da tragédia de Mariana, na região Central de Minas Gerais, ainda não saiu do papel e muito menos chegou ao contingente de desabrigados. A denúncia foi feita nesta sexta-feira (13), pelo jornal O Tempo. O prefeito de Mariana, Duarte Junior, garantiu

Encontro de memória política dos trabalhadores entre os dias 13 e 15 de novembro

Neste fim de semana ocorrerá o Encontro de memória política dos trabalhadores (dias 13 à noite, 14 durante todo o dia e 15/11 pela manhã, no Sindicato dos Químicos de São Paulo). O encontro será a consolidação de uma articulação iniciada no início deste ano entre os núcleos de memória política espalhados pelo país que

Negligência de duas gigantes da mineração varre cidades mineiras e seus moradores

Uma tragédia de proporções incalculáveis chama a atenção do Brasil e do mundo. O tsunami de lama tóxica, consequência do rompimento de duas barragens da Samarco Mineração, no último dia 5 de novembro, destruiu a vila de Bento Rodrigues e atingiu outros cinco subdistritos: Águas Claras, Paracatu, Pedras, Fonte do Gama e Camargos. A lama

Mulheres encarceradas aumentaram seis vezes nos últimos 15 anos

Aumento do contingente de mulheres nas cadeias exige políticas públicas exclusivas a elas, tais como o indulto feminino. O mais recente Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias, divulgado neste mês de novembro com dados de 1.424 unidades prisionais brasileiras, mostra um crescimento de 567% da população carcerária feminina no Brasil, entre 2000 e 2014. Entre os

Nota da Intersindical sobre lei antiterrorismo

INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora A Intersindical Central da Classe Trabalhadora vem a público denunciar a iminente criminalização dos movimentos sociais e movimentos grevistas por intermédio do Projeto de Lei 2016/2015 que pode ser votado a qualquer instante pela Câmara dos Deputados. Não aceitamos qualquer tipo de cerceamento na luta de classes e na livre

Químicos Unificados: Vamos conversar sobre machismo, desigualdade e violência contra as mulheres

O Coletivo de Mulheres do Sindicato Químicos Unificados convida todas as trabalhadoras e trabalhadores para um encontro sobre gênero, que será realizado nas regionais Campinas e Osasco. A atividade é aberta a todos, sob orientação da socióloga Marcela Moreira. Em setembro, o Coletivo realizou um primeiro encontro para provocar discussões e descobertas sobre as origens

Mapa da Violência 2015: Espírito Santo é um dos líderes em feminicídio

O estado do Espírito Santo está entre os que registram os maiores números de homicídios de mulheres, segundo dados do Mapa da Violência 2015, divulgado na segunda-feira, 09. O estudo, elaborado pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), aponta que o Estado está em segundo lugar no ranking de assassinato de pessoas do sexo feminino,

Pedro Pulzatto | Carta em repúdio à perseguição de advogado indígena no Mato Grosso do Sul

Pedro Pulzatto Peruzzo* Recebemos a notícia de que, pela segunda vez, a OAB do Mato Grosso do Sul instaurou procedimento disciplinar para cassar o registro do advogado terena Luiz Henrique Eloy[1]. O motivo é o fato de Eloy ter apoiado e prestado orientação jurídica para grupos indígenas em retomadas de terra. Considerando a dificuldade de

Indígenas de todo Brasil dão lição de sabedoria e autonomia ao repudiarem PEC 215

De Norte a Sul do Brasil, são inúmeras as manifestações de repúdio e denúncia dos povos indígenas contra a aprovação do Parecer da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 215, aprovada por sua Comissão Especial, na Câmara dos Deputados, no último dia 27 de outubro. Basicamente, esta proposta transfere do poder Executivo para o Legislativo

Conselho Indigenista de Roraima: PEC 215 – retrocesso aos direitos conquistados na Constituição

“Makunaima – Vivo até o último índio”. Os povos indígenas de Roraima comparam a PEC 215 a um anúncio de genocídio dos povos indígenas no Brasil. Não aceitamos a PEC 215, pois temos a clareza de que o Estado Brasileiro deve respeitar os direitos constitucionais estabelecidos como invioláveis, a diversidade cultural existente, e principalmente a

Carlos Marighella, um símbolo de luta e resistência socialista

INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora A velha militância de esquerda e ativistas de movimentos sociais se reuniram nesta quarta-feira (4) ao redor do monumento que marca o local onde Carlos Marighella, um dos principais líderes da resistência contra o conservadorismo e a ditadura militar, foi morto há 46 anos. A companheira de Marighella, Clara Charf,

Indígenas trancam rodovia contra a PEC 215 e organizações lançam manifesto em defesa da luta por direitos

Indígenas Kaingang e Guarani Mbyá bloquearam na manhã desta terça-feira, 3, trecho da BR-277, na altura de São José dos Pinhais, região de Curitiba, em protesto contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 215, que teve o relatório aprovado na semana passada – por parlamentares ruralistas – numa Comissão Especial da Câmara Federal. Os

Mulheres vão às ruas protestar contra Eduardo Cunha e suas manobras conservadoras

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora Mulheres de todo o Brasil e de diferentes partes do mundo se uniram nesta quarta-feira (28) em defesa das liberdades dos seus corpos e contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que busca punir vítimas de violência sexual para encobrir seus crimes de corrupção por meio do Projeto

Policiais Civis defendem a desmilitarização da PM

A tentativa de consolidar uma posição em favor do Ciclo Completo das Polícias está longe de acontecer. Ontem (26), no  seminário chamado “Por uma Nova Arquitetura Institucional da Segurança Pública: pela adoção no Brasil do Ciclo Completo de Polícia”, promovido pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara Federal, os policiais civis se posicionaram

Comissão Especial da Demarcação de Terras Indígenas aprova PEC 215 que entrega demarcações nas mãos dos ruralistas

Pelo texto aprovado, as demarcações passarão a ser feitas por lei de iniciativa do Executivo, e não mais por decreto, como acontece hoje. Na prática, essa medida dá ao Congresso Nacional, dominado pelos ruralistas, a palavra final sobre o tema. Proposta segue agora para análise do plenário da Câmara dos Deputados. Após protestos e muita

Deputados apresentam recurso para votação do Estatuto da Família em Plenário

Deputados apresentaram nesta segunda-feira (26) recursos para levar o projeto do Estatuto da Família (PL 6583/13) à votação no Plenário da Câmara. A proposta foi aprovada em comissão especial no último dia 8 e, por tramitar em caráter conclusivo, seguiria diretamente para o Senado. A deputada Erika Kokay (PT-DF) e o deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ),

Jogos Mundiais dos Povos Indígenas: protestos, silêncios e invisibilidade

O desabamento do teto do refeitório no local de alojamento das delegações brasileiras que participam do I Jogos Mundiais dos Povos Indígenas (JMPI) é realmente lamentável. Ocorrido neste sábado (24) pela manhã, resultou em três funcionários feridos. Como consequência, as refeições foram preparadas e servidas de modo precário em locais improvisados. Também é inadmissível que,

Ordem de despejo de Guaiviry (MS) foi suspensa pelo STF no final da tarde de quarta-feira (21)

Cerca de 150 indígenas Kaiowá e Guarani do tekoha (“lugar onde se é“) Guaiviry, no município de Aral Moreira (MS), fronteira com o Paraguai, puderam dormir em paz pelo menos nesta última noite, sem o risco de serem despejados de modo violento, como tem acontecido recorrentemente no estado. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF),

Guarani-Kaiowás buscam ajuda internacional para conter extermínio histórico ao povo indígena

Em uma semana particularmentetumultuada para os Guarani-Kaiowá, diante de uma liminar de reintegração de posse em favor de fazendeiros que seria executada na última quarta-feira (21) mas acabou suspensa na madrugada do mesmo dia pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o Conselho Indigenista Missionário (Cimi) conseguiu lançar em Washington DC, capital dos Estados Unidos, a versão

Organização dos Estados Americanos discute violência contra povos indígenas no Brasil

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora A pedido do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e entidades da sociedade civil, o Estado brasileiro teve que responder publicamente nesta terça-feira (20) sobre o massacre de indígenas durante audiência da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), da Organização dos Estados Americanos (OEA), em Washington. Paralelamente, em Brasília, a Câmara

Fim das demarcações de terras indígenas e quilombolas pode ser definida hoje

Votação da PEC 215/00, de demarcação de terras indígenas, é adiada para esta quarta-feira (21) Depois de quase duas horas de debates em torno de atas e outros procedimentos regimentais, os ruralistas conseguiram iniciar ontem (20) a discussão da Proposta de Emenda à Constituição (PEC 215/00) que dá ao Congresso a palavra final sobre a

Neimar Machado de Sousa | Guarani e Kaiowá – Os condenados desta terra

A lista de violações de direitos dos povos indígenas no estado de Mato Grosso do Sul é tão grave e extensa que pode ser classificada em diversas categorias: insegurança alimentar; remoção dos territórios tradicionais para as reservas indígenas; violência contra a mulher nas áreas de retomada e nas reservas, criadas pelo Governo Brasileiro; contaminação por

Violações de direitos cometidas por Eduardo Cunha são denunciadas à ONU e OEA

As medidas tomadas pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, no último dia 5 de outubro serão denunciadas à Organização das Nações Unidas (ONU) e à Organização dos Estados Americanos (OEA). Protocolado na última quinta-feira (8), o documento assinado por cerca de 50 organizações da sociedade civil evidencia que Cunha feriu ao menos cinco

Cimi denuncia invasão de garimpeiros em área do grupo isolado Moxi Hatëtëa, em Roraima

O Conselho Indigenista Missionário (Cimi) e a Diocese de Roraima vêm a público manifestar sua preocupação diante da invasão de garimpeiros na região ocupada pelo grupo indígena isolado Moxi Hatëtëa, no interior da terra Yanomami e com a ausência de medidas de proteção por parte do governo. A denúncia foi apresentada por lideranças Yanomami da

Eduardo Cunha corta energia, ar e sitia com a polícia vigília de povos e comunidades tradicionais

A Câmara Federal viveu mais um dia triste na recente história de desmandos e autoritarismos praticados pelo atual presidente, deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ). No final da noite desta segunda-feira, 05, Cunha mandou a polícia cercar o Plenário 1 da chamada ‘Casa do Povo’, sitiando-o, além de desligar o ar-condicionado e as luzes da sala sem

Trabalhadores em situação análoga à escravidão são resgatados no Rock in Rio

Fiscais do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) resgataram 17 trabalhadores que atuavam no Rock in Rio em situação análoga à escravidão. A operação ocorreu ontem (27), envolvendo vendedores da empresa Batata no Cone, que comercializavam batatas fritas na multidão. Segundo auditores do MTE, a empresa Rock World, promotora do festival, é igualmente responsável pela

Senadores votam nesta semana a tipificação dos movimentos sociais como terrorismo

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora O Senado Federal está para apreciar a qualquer momento o PLC 101/2015, texto aprovado na Câmara dos Deputados no último dia 13 de agosto, que trata da tipificação do crime de terrorismo.O projeto possui regime de urgência, não passou por parecer nas comissões e será apreciado somente na votação

Reginaldo Nasser: “A questão urbana é o lugar de combate”

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora Na manhã do último sábado a Direção Nacional da Intersindical Central da Classe Trabalhadora recebeu Reginaldo Nasser, professor e Chefe do Departamento de Relações Internacionais na PUC-SP, para debater a atual conjuntura do Oriente Médio, EUA e os conflitos envolvidos nesse processo. O mestre em Ciência Política (UNICAMP) e

MPF recebe denúncia contra Volkswagen por participação em repressão a operários

Multinacional é acusada de coautora em prisões, tortura e espionagem contra seus funcionários  durante ditadura cívico-militar Uma representação de cerca de 70 páginas, com provas e argumentos jurídicos acerca da participação da multinacional alemã Volkswagen em atos de repressão do regime militar no Brasil entre os anos de 1964 a 1988, foi entregue nesta terça,

Comissão aprova multa trabalhista proporcional ao tamanho da propriedade rural

A Comissão da Câmara dos Deputados aprovou proposta que modifica a legislação trabalhista rural para prever que as multas aplicadas sejam proporcionais ao tamanho das propriedades. O PL 1.317/15 (PLS 323/13) é de autoria da ex-senadora Ana Rita (PT-ES). Pelo texto, quanto maior a propriedade rural, maior será a multa aplicada, tomando como base o salário

Equidade de gênero no mercado de trabalho vai demorar 80 anos, indica estudo

Apesar do aumento de mulheres no mercado de trabalho nas últimas décadas, a equidade com os homens pode levar até 80 anos, segundo o Relatório Global de Equidade de Gênero, do Fórum Econômico Mundial. Para tentar diminuir esse tempo, equivalente a uma geração, pesquisa feita com líderes de 400 empresas ao redor do mundo indicou

Anistia Internacional estreia mostra multimídia sobre violência contra a juventude em São Paulo

O espaço Matilha Cultural em São Paulo será a segunda casa da Anistia Internacional no Brasil durante os meses de setembro e outubro. A organização, que tem sede no Rio de Janeiro, ocupará a Matilha Cultural, no centro da capital paulista, com a mostra “Setembro Verde: Jovem Negro Vivo” a partir do dia 22. Com

Nota do MTST sobre os cortes no orçamento: tomaremos as ruas no dia 23!

O MTST mais uma vez repudia as soluções adotadas pelo Governo Federal que joga o custo da crise nas costas dos trabalhadores mais pobres. Desta vez foi anunciado o corte de mais R$26 bilhões no Orçamento. Os principais cortes referem-se ao congelamento no salário de servidores e ao financiamento do Minha Casa Minha Vida, além

Campanha “É hora de deixar o Haití em Paz”

Estimados companheiros e companheiras dos Movimentos Populares Brasileiros A partir de nossa Articulação Internacional temos impulsionado a Solidariedade com o povo Haitiano e também denunciado a intervenção das Tropas da Minustah nesse país. Dando continuidade a esta campanha elaboramos o Cartaz em anexo com o lema “É hora de deixar o Haiti em Paz!” e

Aty Guasu vê em PEC 71 reparação aos fazendeiros, mas e aos povos indígenas?

Nota pública de Aty Guasu do grande povo Guarani e Kaiowá aos poderes do Estado brasileiro. Nós, povos indígenas, reivindicamos indenização e reparação Com a aprovação da lei federal (PEC 71/2011) da regularização de compra e venda das terras indígenas, mais uma vez as lideranças de Aty Guasu Guarani e Kaiowá exigem aos poderes do

APELO URGENTE: famílias de trabalhadoras e trabalhadores rurais pedem socorro

As famílias de trabalhadores e trabalhadoras rurais da comunidade Brejinho do Rio das Onças II, no Município de Bom Jardim, Estado do Maranhão, pedem socorro São 33 núcleos familiares que são vítimas de criminosos ambientais que atuam na região: madeireiros, fazendeiros e grileiros de terras que fazem extração ilegal de madeiras da Reserva Biológica do Gurupi

Com tiros e incêndios forçados, seguem ameaças aos Guarani Kaiowá

INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora Os trabalhadores e a sociedade em geral precisam atentar para o que os ruralistas e seus capangas estão fazendo contra as populações indígenas, particularmente na região de Dourados, no Mato Grosso do Sul. Após o assassinato de Semião Vilhalva, da comunidade Guarani Kaiowá, os ruralistas seguiram atacando os indígenas,

Ruralistas forçam votação de parecer favorável à PEC 215 dias depois de assassinato de indígena no MS

Depois de ter parlamentares envolvidos nos momentos que antecederam e durante o ataque de fazendeiros contra a comunidade Guarani e Kaiowá de Ñanderú Marangatú, na manhã do último sábado, a bancada ruralista empreende novo ataque contra os povos indígenas, dessa vez na Câmara Federal. O presidente da Comissão Especial que analisa a Proposta de Emenda

Ruralistas atacam e matam líder Guarani-Kaiowá no Mato Grosso do Sul

Após uma semana de preparativos, ruralistas atacaram famílias indígenas Guarani e Kaiowá, do tekohá Nhanderu Marangatu, e assassinaram uma de suas lideranças, na tarde deste sábado, 29 de agosto, em Antônio João, no Mato Grosso do Sul. Nhanderu Marangatu é sabidamente uma terra indígena tradicional Guarani e Kaiowá. Foi reconhecida e homologada pelo Governo Federal

Ministro pode ter palavra final sobre caso de trabalho escravo

O ministro do Trabalho e Emprego Manoel Dias, que ocupa um cargo político e não técnico, pode ter que determinar se um flagrante que resultou em um resgate de trabalhadores configurou ou não exploração de trabalho escravo, o que foge do trâmite normal das fiscalizações. A decisão é do Tribunal Regional do Trabalho de São

Top