Atividades articles

Multidão na Av Paulista grita: Greve Geral

Multidão na Av Paulista grita: Greve Geral

Uma grande multidão tomou a avenida Paulista, em São Paulo, na tarde deste 15 de maio. O traço marcante da imensa manifestação foi a unidade entre estudantes, professores, pais de alunos e milhares de trabalhadores de outras categorias.

15M: Multidões saíram pela educação e previdência | Intersindical

15M: Multidões saíram pela educação e previdência

O Brasil foi chacoalhado por milhões de pessoas nesta quarta-feira, Dia Nacional de Mobilização em Defesa da Aposentadoria e da Educação Pública. Foi histórico. Teve a capacidade de unificar a classe trabalhadora, em particular o pessoal da educação e a juventude em defesa de dois direitos fundamentais: a educação pública e a previdência social.

greve da educação

Centrais e movimentos acertam encaminhamentos para Dia Nacional de Luta, em 15/05, e Greve Geral em 14/06

Em mais uma reunião unitária as centrais sindicais se encontraram com frentes de luta e movimentos sociais para debater as próximas mobilizações que incluem a paralisação da educação na próxima semana (15) e a preparação para a greve geral em 14 de junho.

AO VIVO: 1º de Maio unificado em defesa da aposentadoria

Assista ao vivo ao ato histórico do 1º de Maio no Vale do Anhagabaú, no centro de São Paulo: “Em defesa dos direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras: contra o fim da aposentadoria, por mais empregos e salários decentes”. É a primeira vez que todas as centrais sindicais organizam em unidade as atividades do Dia

DIEESE lança indicador que mede a condição de trabalho no Brasil

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – DIEESE lançou nesta quinta-feira (25) o Índice da Condição do Trabalho – ICT. Este indicador foi desenvolvido pela equipe técnica da instituição e tem como objetivo acompanhar e analisar as condições do mercado de trabalho brasileiro, tendo como base a realidade laboral.

Por todo o país, milhares aderem à luta em defesa da Previdência

Por todo o país, milhares aderem à luta em defesa da Previdência

A resistência contra a “deforma da Previdência”, do governo Bolsonaro, começou a encorpar desde a última sexta-feira (22), com as mobilizações nacionais em defesa da aposentadoria. Foi um dia inteiro de atividades, com paralisações, panfletagens e atos de rua, marcando o primeiro protesto nacional contra a PEC, que foi apresentada em 20 de fevereiro.

CE - Fortaleza Contra o Fim da Aposentadoria

Fortaleza (CE) na luta contra a entrega da aposentadoria para os bancos

As Centrais sindicais (Intersindical, CUT, CTB, CSP-Conlutas, CSB, Unidade Classista), as Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular e vários sindicatos como o Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza (Sindifort) promovem neste momento o ato “Ceará contra o Fim da Aposentadoria”.

Dieese reforma da previdência

DIEESE e centrais iniciam Jornada Nacional de Debates sobre a PEC de Bolsonaro que quer acabar com aposentadoria

Às vésperas das manifestações em defesa da aposentadoria, que acontecem nesta sexta-feira (22), dirigentes sindicais se reuniram para lançar a 15ª Jornada Nacional de Debates do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), que se debruça sobre a Projeto de Emenda Constitucional (PEC) 06/2019, a reforma previdenciária de Bolsonaro.

reforma da previdência pec 06-2019

15ª Jornada Nacional de Debates sobre a Reforma da Previdência Social, para debater a PEC 06/2019

Reforma da Previdência Social – PEC 6 15ª Jornada Nacional de Debates promovida pelo DIEESE e Centrais Sindicais sobre a Reforma da Previdência Social, para debater a PEC 6, que tenta acabar com o direito à aposentadoria e entregar a previdência social para os banqueiros. Vera Marchioni (Executiva Estadual da Intersindical) e Índio na mesa se lançamento da Jornada

Governo faz propaganda para promover a divisão entre os trabalhadores públicos e privados

O juiz do Trabalho, Hugo Melo, demonstrou aos participantes do 2º Congresso Nacional da Intersindical a catástrofe que a Reforma da Previdência significará ao povo brasileiro e as estratégias que o governo tem usado para acabar com a aposentadoria pública.

Christian Zambrano: privatização da previdência chilena só foi possível devido à ditadura assassina de Pinochet

Christian Zambrano: privatização da previdência chilena só foi possível devido à ditadura assassina de Pinochet

Coordenador da FSM Chile, o dirigente sindical Christian Zambrano falou sobre o sistema previdenciário de seu país à plenária do 2º Congresso da Intersindical – Central da Trabalhadora, neste sábado. Segundo ele, não é possível analisar o processo de privatização das aposentadorias sem destacar o golpe militar e o governo do ditador Augusto Pinochet, que “matou e fez desaparecer homens e mulheres e aniquilar o movimento sindical”.

Clemente Ganz: reinventar o movimento sindical para o novo mundo do trabalho

Clemente Ganz: reinventar o movimento sindical para o novo mundo do trabalho

O diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), Clemente Ganz Lúcio, provocou o 2º Congresso da Intersindical com reflexões sobre os impactos da atual reestruturação produtiva do capitalismo (quarta revolução industrial) na atividade sindical.

Andreia de Jesus, da Intersindical/Brigadas Populares, fala de sua eleição como deputada estadual em MG

Andreia de Jesus, militante da Intersindical, das Brigadas Populares e primeira mulher negra eleita para a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, fez uma breve saudação aos delegados e observadores do 2º Congresso Nacional da Intersindical reforçando a importância do trabalho de base.

Sônia Guajajara destaca relação entre defesa de território e autonomia das mulheres

A coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) Sônia Guajajara participou do 2º Encontro de Mulheres da Intersindical e falou das desigualdades de gênero, da aldeia à política institucional. Para ela, o combate ao machismo está diretamente ligado à luta por território. “A demarcação das terras indígenas segue a principal bandeira, porque a

Zilmar Alverita questiona a representação feminina nos sindicatos e centrais

Zilmar Alverita questiona a representação feminina nos sindicatos e centrais

Zilmar Alverita da Silva, filha de sem terra, de Salvador, abriu sua exposição destacando a força da mulher e seu pioneirismo, a partir da primeira greve geral no País, organizada por elas, em São Paulo, por conta do assédio sexual vivido pelas operárias na indústria têxtil em 1917. “Essa pauta ainda não é vista no

Dida Dias exige ver o feminismo representado de fato nos sindicatos

Dida Dias exige ver o feminismo representado de fato nos sindicatos

Aldenir  Dida Dias, do Coletivo Feminista Classista ‘Maria vai com as outras’, contou sua experiência no grupo da Baixada Santista, que abrange mulheres que não estão nos sindicatos, nem nos partidos políticos e conclamou os sindicalistas a darem o exemplo em suas próprias bases. “No meio sindical temos que trazer essas mulheres, negras e indígenas

Simony Cristina dos Anjos

‘Não dá para fazer revolução no Brasil sem os cristãos’, alerta Simony dos Anjos

Uma das exposições que mais chamou a atenção das participantes do 2º Encontro de Mulheres da Intersindical foi a de Simony Cristina dos Anjos, do coletivo das Evangélicas pela Igualdade de Gênero, colunista do site Justificando. A plateia presente não conhecia o trabalho da socióloga, negra e evangélica, que luta para interseccionar a esquerda junto

Thomaz Jensen, do DIEESE, fala sobre conjuntura na era do “trabalho pós-industrial”

Economista e técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), Thomas Ferreira Jensen expôs dados e análises das conjunturas nacional e internacional, marcada pela “era do trabalho pós-industrial”. “Uberização”, flexibilização, precarização, informalidade, competitividade e maior senso de urgência e decisão dos trabalhadores são as marcas desse período. Jensen também destacou o avanço do

Jupiara Castro: “nascemos trabalhando e tivemos que arrombar portas para conquistar direitos”

Filha de comunistas, Jupiara Castro, do Núcleo de Consciência Negra da Universidade de São Paulo (USP), considera que começou a militar ainda na barriga de sua mãe e segue na ativa até hoje. Em sua trajetória, participou da fundação do Movimento Negro Unificado (MNU), do Partido dos Trabalhadores (PT) e, mais recentemente, do Partido Socialismo

‘Conhecimento é poder, por isso o ataque à educação pública’, alerta Inês Paz

Inês Paz, dirigente estadual da APEOESP/Intersindical, fez uma breve retrospectiva do desmonte da educação que os governos Temer e Bolsonaro vêm promovendo para favorecer a iniciativa privada e criar uma massa de excluídos sem poder de voz e de ação. “Anísio Teixeira, secretário da educação em 1947, já defendia a educação como instrumento para a

Marta Albarnoz Tapia

Marta Albarnoz conta a saga das trabalhadoras da alimentação escolar no Chile

A chilena Marta Albarnoz Tapia falou da experiência de construção da Federação Nacional das Manipuladoras de Alimentos (Fenama), fundada em 2014 e que hoje representa 18 mil trabalhadoras terceirizadas do Estado chileno, na mesa “América Latina pela perspectiva das mulheres” durante o 2º Encontro de Mulheres da Intersindical. “O desespero e a agonia por tanto

Está aberto o 2º Congresso da Intersindical Central da Classe Trabalhadora

Está aberto o 2º Congresso da Intersindical Central da Classe Trabalhadora

Três anos depois, a Intersindical Central da Classe Trabalhadora volta a reunir suas lideranças sindicais e populares de todo o país para realizar seu Congresso Nacional. Neste ano, marcado pela consolidação do Golpe de 2016, a ofensiva contra os trabalhadores e o avanço do imperialismo sobre o Brasil e a América Latina, os eixos do Congresso são “Democracia, Direitos e Soberania”.

Juliana Bavuzo propõe intersecções dentro do próprio feminismo

Juliana Bavuzo, secretária política das Brigadas Populares, expôs alguns dos desafios a serem debatidos no 2º Encontro de Mulheres da Intersindical, como o extermínio de direitos que afetam em especial as mulheres e a questão da própria atuação do movimento feminista. “Na crise quem primeiro sofre o baque são as mulheres, temos que olhar para

Andreia Galvão fala da uberização das relações de trabalho

Andreia Galvão fala da uberização das relações de trabalho

A socióloga da Unicamp, Andreia Galvão, fez uma síntese das mudanças sociais e culturais que culminaram com a aprovação da reforma trabalhista, a eleição de Bolsonaro e que agora ameaça a Previdência pública e a assistência social no Brasil. “A lógica neoliberal de uberização das relações de trabalho como modelo se converteu na nova forma

2º Encontro de Mulheres da Intersindical homenageia Marielle Franco e Micaela Bastidas

 O 2º Encontro de Mulheres da Intersindical foi aberto na manhã desta sexta-feira (15/03) no hotel San Raphael, centro de São Paulo, com homenagens a uma das maiores lideranças feministas e do movimento negro que o Brasil já teve: a vereadora do PSOL, Marielle Franco, executada de forma brutal há um ano.

Édgar Sarango denuncia submissão do governo equatoriano ao FMI

Édgar Sarango denuncia submissão do governo equatoriano ao FMI

Presidente da Confederação dos Trabalhadores do Equador (CTE), Édgar Sarango criticou a política de endividamento externo do governo de Lenín Moreno. O país selou acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) para empréstimo de US$ 10 bilhões em troca de reformas neoliberais na estrutura estatal. Sarango também denunciou a privatização de empresas estatais, bancos e

São Paulo recebe 1º Seminário Internacional da Intersindical e Federação Social Mundial

Começa hoje (13), em São Paulo, o 1º Seminário Internacional da Intersindical Central da Classe Trabalhadora e da Federação Sindical Mundial (FSM). Resultado do esforço conjunto entre Intersindical e FSM, o seminário reúne dirigentes sindicais de Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Nicarágua, Panamá, Peru, Uruguai e Venezuela. De acordo com o secretário de Relações

Hugo de Melo

‘As mudanças só ocorrerão nas ruas, não no STF!’, diz Juiz do Trabalho, Hugo de Melo

O juiz do Trabalho, Hugo de Melo, fez o informe da conjuntura brasileira aos delegados estrangeiros que participaram na manhã desta quinta-feira (14/03) do 1º Seminário Internacional da Intersindical, em São Paulo, e avisou aos sindicalistas e representantes de movimentos sociais do Brasil ali presentes: “Não podemos acreditar em mudanças no âmbito do STF, as

Organizado pela Intersindical, ato internacional fortalece movimento brasileiro pela paz na Venezuela

Organizado pela Intersindical, ato internacional fortalece movimento brasileiro pela paz na Venezuela

Mais de 300 pessoas passaram pelo sindicato dos professores de São Paulo (Apeoesp) para manifestar seu apoio à luta do povo venezuelano por paz e soberania nacional na noite desta quarta-feira (13). O evento foi organizado pela Intersindical, em parceria com a frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular, e teve a participação de dezenas

Sergio Gonzalez denuncia trabalho infantil na Argentina

A manhã do segundo dia do 1º Seminário Internacional da Intersindical foi marcada por informes e denúncias das delegações latino-americanas sobre a situação política, social e econômica em seus países. Sergio Gonzalez, da Argentina, lembrou que os trabalhadores de seu país estão passando por uma situação complicada e não muito diferente do que outros países

Húbert de Jesús Ballesteros Gómez

‘Duque é o maior obstáculo para a paz na Colômbia’, diz Ballesteros

Húbert Ballesteros , da Fuerza Alternativa Revolucionaria del Común (FARC) um partido político colombiano fundado a partir dos acordos de paz entre o governo de Juan Manuel Santos e as FARC em 2016, num acordo em Havana, explicou parte da conjuntura colombiana deste governo de Ivan Duque Márquez durante o 1 º Seminário Internacional da Intersindical.

Ismael Drullet: "O inimigo comum dos povos é o imperialismo"

Ismael Drullet: “O inimigo comum dos povos é o imperialismo”

O sindicalismo cubano também está presente no Seminário Internacional da Intersindical. Em sua exposição, Ismael Drullet Perez, da Central dos Trabalhadores de Cuba (CTC), reafirmou a vocação diplomática da ilha caribenha: “a comunidade internacional pode contar com Cuba para construir uma ordem internacional mais justa, em que o bem-estar do ser humano esteja no centro”.

Programação do 2º Congresso Nacional da Intersindical | Intersindical

Programação do 2º Congresso Nacional da Intersindical

A abertura do evento vai acontecer próxima na sexta-feira, dia 15, às 19h no Hotel San Rafael (Largo do Arouche, no centro de SP) aproveitando que as delegações estarão chegando das diversas regiões do país e devem se hospedar no mesmo local. No sábado e domingo (16 e 17), as atividades serão realizadas na Quadra dos Bancários (Rua Tabatinguera 192, Praça da Sé).

Trabalhadoras entregam manifesto de apoio a Guilherme Boulos - Intersindical

Trabalhadoras e trabalhadores entregam manifesto de apoio à candidatura de Guilherme Boulos

Dirigentes Sindicais e diversos Lutadores Sociais entregaram na noite desta segunda-feira (24) um manifesto de apoio ao candidato à Presidência da República, Guilherme Boulos.

Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular unidas no Dia do Basta, 10 de agosto

Frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular se unem no Dia do Basta, 10 de agosto

Trabalhadores das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo se reuniram nesta quinta-feira, 02, para debater e formalizar a unidade nas manifestações do Dia do Basta, que ocorrerão no próximo dia 10 de agosto.

10 DE AGOSTO: Basta de juros altos! Chega de extorsão! | INTERSINDICAL

10 DE AGOSTO: Basta de juros altos! Chega de extorsão!

A Maioria do povo brasileiro sofre os efeitos perversos da atuação dos bancos e do capital financeiro na economia. Um exemplo é a taxa de juros praticada no país, que funciona como um Robin Hood ao contrário, pois tira dos pobres e da classe média para engordar as fortunas de banqueiros, grandes empresários e rentistas.

10 DE AGOSTO É DIA DO BASTA! Em defesa do emprego, da aposentadoria e dos direitos!

10 DE AGOSTO É DIA DO BASTA! Em defesa do emprego, da aposentadoria e dos direitos!

Acabou à pouco a reunião das Centrais Sindicais que contou com a participação de diversos sindicatos) que definiram o dia 10 de agosto como Dia do Basta. Será um dia nacional de luta em que ocorrerá em nível nacional contando com a participação de trabalhadores da Intersindical e das demais centrais, diversos sindicatos e movimentos sociais.

Debate sobre TRABALHO e EMPREGO na pré-campanha de Guilherme Boulos

Neste sábado, 7: a pré-candidatura Boulos e Sonia debate TRABALHO e EMPREGO. Traga suas propostas!

Assista ao debate ‘É hora de vencer o desemprego’: → Debate sobre TRABALHO e EMPREGO na pré-campanha de Guilherme Boulos É HORA DE VENCER O DESEMPREGO E ACABAR COM A PRECARIZAÇÃO DO TRABALHO! Neste sábado, dia 7, venha debater e construir as propostas que a candidatura de Guilherme Boulos e Sonia Guajajara defenderão para o combate

Centrais apresentam Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora ao Senado e Câmara

Centrais apresentam Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora ao Senado e Câmara

Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora será entregue aos presidentes do Senado e da Câmara. As centrais sindicais INTERSINDICAL, CUT, CTB, Força Sindical, Nova Central, UGT e CSB farão a entrega da plataforma amanhã, dia 20, ao presidente do Senado e à presidência da Câmara.

Centrais sindicais realizam lançamento da Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora

Centrais sindicais realizam lançamento da Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora

Juntas, as centrais sindicais lançaram nesta quarta-feira (6) o documento “Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora” que traz 22 propostas urgentes para fazer o Brasil retomar sua economia e desenvolvimento social. Faça aqui o download da Agenda Prioritária!

Centrais sindicais lançam Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora

Centrais sindicais lançam Agenda Prioritária da Classe Trabalhadora

A agenda propõe de imediato medidas de combate ao desemprego e ao subemprego crescentes que já atingem 28 milhões de trabalhadores, como a criação de frentes de trabalho, com atenção especial para os jovens; a retomada das obras de infraestrutura e a implementação de políticas de amparo aos desempregados, com aumento das parcelas do seguro desemprego, vale transporte para o desempregado, vale gás, subsídio de energia elétrica, entre outras.

Conferência Nacional dos Bancários defenderá direitos, empregos e os bancos públicos

Conferência Nacional dos Bancários defenderá direitos, empregos e os bancos públicos

Nos dias 08, 09 e 10 de junho a categoria bancária, dos bancos públicos e privados, realizará a Conferência Nacional dos Bancários em São Paulo. A atividade tem como objetivo debater e definir estratégia de luta para garantir os direitos, o emprego, a defesa da Convenção Coletiva de Trabalho – CCT e dos bancos públicos e privados.

Greve dos Petroleiros: refinarias são alvo de ação de militares

Greve dos Petroleiros: refinarias são alvo de ação de militares

Intervenção militar na greve dos petroleiros! Em uma ação de violação do direito de greve dos trabalhadores, militares do exército ocuparam, com ajuda de Policiais Militares, a Refinaria Henrique Lage (REVAP) localizada em São José dos Campos, Vale do Paraíba (SP) nesta manhã de quarta-feira (30).

Petroleiros na Baixada Santista

Greve dos Petroleiros: na Baixada Santista, Intersindical e Povo Sem Medo reforçam paralisação contra o aumento dos combustíveis e do gás

A Intersindical Baixada Santista, a diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região, a Frente Povo Sem Medo, militantes do PSOL estão posicionados desde às 6h, no escritório central do Valongo, em Santos SP, participando da greve dos petroleiros da Baixada Santista.

Educação privada paralisa contra retirada de seus direitos

Educação privada paralisa contra retirada de seus direitos pelos donos das escolas

Diante da intransigência do donos das escolas privadas, os professores realizaram hoje um dia de greve, paralisando fortemente dezenas de escolas, em uma massiva assembleia que terminou agora, às 16h, em frente à sede do sindicato da categoria, o Sinpro-SP, centenas de professoras e professores decidiram realizar na próxima semana uma nova paralisação para decidir a manutenção da convenção coletiva.

Intersindical no Seminário em Defesa das Empresas Públicas

Intersindical participa do Ato e Seminário em Defesa das Empresas Públicas

Ocorreu no dia 08 de maio (terça), o Seminário e o Ato em Defesas das Empresas Públicas no Congresso Nacional (Brasília/DF) convocado pelo Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas. A atividade faz parte do esforço conjunto de movimentos sociais e sindicais na luta contra a privatização das estatais e da defesa da soberania nacional.

8 de maio: comitê realiza atividades em defesa das empresas e serviços públicos no Brasil

8 de maio: comitê realiza atividades em defesa das empresas e serviços públicos no Brasil

As entidades que defendem os serviços e as empresas públicas do Brasil, gravemente atingidos pelo governo golpista de Michel Temer e seus aliados, devem somar esforços para participação no evento que acontece na próxima terça-feira (8), no Congresso Nacional, em Brasília. Nesta data, a partir das 9h no auditório Nereu Ramos, vai ser realizado seminário para destacar a importância do que é público para a sociedade e do quanto as ameaças privatistas e tentativas de desmonte interferem negativamente na vida da população e dos trabalhadores destas empresas.

1° de Maio: A unidade da resistência em defesa da democracia

Mais uma vez a classe trabalhadora reafirmou nas ruas sua posição em defesa da democracia Neste 1° de maio ocorreu nas principais cidades brasileiras atos convocados pelas centrais sindicais em uma demonstração de unidade e compromisso com a democracia política e social em nosso país. Os atos tiveram como principal pauta a resistência ao golpe

1º de Maio: Ato Unitário em Curitiba e manifestações por todo o país

1º de Maio: Ato Unitário em Curitiba e manifestações por todo o país

Nas diversas capitais do país, trabalhadoras e trabalhadores farão manifestações em defesa dos direitos e da democracia. No Dia Internacional do Trabalhador, nossa luta no Brasil é para restabelecer os direitos surrupiados pelas deformas do golpe e pelo restabelecimento da democracia e das garantias constitucionais que estão rasgadas pelo judiciário, mídia, executivo e pela maioria do Congresso Nacional.

Centrais definem eixos para o 1º de Maio unificado em Curitiba

Centrais definem eixos para o 1º de Maio unificado em Curitiba

Sete centrais sindicais decidiram ontem os eixos principais do inédito Ato Unificado de 1º de Maio, que acontecerá em Curitiba. A defesa dos direitos trabalhistas, previdenciários e sociais, a exigência de emprego para todas/os, a defesa da democracia e da liberdade para Lula entre outros pontos, conformam os eixos da unidade fundamental neste momento grave para o povo brasileiro.

1º de Maio em defesa dos direitos e da democracia | INTERSINDICAL

1º de Maio de luta será em defesa dos direitos e da democracia

Nas diversas capitais do país, trabalhadoras e trabalhadores sairão às ruas neste 1º de Maio, Dia Internacional do Trabalhador, para exigir o restabelecimento dos direitos e da democracia. O esclarecimento do assassinato de Marielle e a liberdade do ex-presidente Lula estarão no centro das exigências da classe trabalhadora. O Ato Nacional Unitário do 1º de Maio em Curitiba e manifestações por todo o país.

Sampaprev: Dória derrotado. A previdência não irá para os bancos!

Sampaprev: Dória é derrotado. Está suspensa entrega da previdência para os bancos!

O governo Dória não conseguiu reunir os 28 votos dos vereadores e o Sampaprev (PL 621) foi retirado da pauta na tarde de ontem, dia 27. Pressionados pela greve histórica e pela presença de mais de 100 mil pessoas em frente à Câmara Municipal, os vereadores da base governista recuaram no intento de estabelecer já o Sampaprev.

Intersindical participa do Fórum Social Mundial 2018 | INTERSINDICAL

Intersindical participa do Fórum Social Mundial 2018

Salvador (BA) foi território do Fórum Social Mundial -2018, entre os dias 13 e 17 de março, 17 anos após sua primeira edição em Porto Alegre. Foram milhares de militantes sociais e ativistas de várias partes do mundo que se reuniram na capital baiana com a perspectiva de levar adiante a “semente transformadora” do FSM.

Pressão popular enterra deforma da previdência

O Dia Nacional de Luta em defesa da aposentadoria neste 19/02 foi decisivo para inviabilizar a votação da reforma da previdência neste ano. O dia de luta foi marcado por greves, paralisações e grandes mobilizações em todo o país. Em São Paulo, além das paralisações, mais de 20 mil pessoas lotaram a Avenida Paulista pra protestar contra a tentativa de Temer entregar a previdência pública para os bancos.

Bancários realizam pedágio contra a Reforma da Previdência

Bancários realizam pedágio contra a Reforma da Previdência

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e a Intersindical Central da Classe Trabalhadora realizou pedágio nesta segunda-feira (Dia Nacional de Paralisações e Manifestações), dia 19/2, a partir das 11h, em frente à Estação da Cidadania, na Av. Ana Costa (340), em Santos/SP, com faixas e entrega de carta aberta à população denunciando o desmonte da Previdência com a Reforma que o governo tenta aprovar no Congresso Nacional.

Dia Nacional de Luta contra a Reforma da Previdência

Trabalhadores paralisam atividades neste Dia Nacional de Luta contra a Reforma da Previdência Social

O dia 19 de fevereiro acordou com uma forte mobilização em torno da luta contra a Reforma da Previdência, proposta pelo governo Temer. As centrais sindicais e movimentos sociais realizaram nas primeiras horas da manhã manifestações nos aeroportos em todo o Brasil, com abordagem aos deputados e assessores que se dirigiam à Brasília, mostrando a indignação do povo em frente à proposta.

Top