fbpx

Câmara de Breves (PA) é ocupada por servidores da educação

Câmara de Breves (PA) é ocupada pelos servidores da educação

Trabalhadores ocupam câmara de Breves

Os (as) trabalhadores (as) em educação da rede de ensino de Breves, maior município da região do Marajó, ocuparam na tarde de ontem (13) a Câmara Municipal de Vereadores.

Os servidores exigem a retirada de pauta na sessão de amanhã (14) dos projetos de leis de iniciativa do poder Executivo que alteram o plano de cargos, carreira e salários dos servidores da educação. Os projetos causam redução que vão de R$ 300,00 a R$ 2.000, 00 nos salários dos servidores.

O SINTEPP reclama que os projetos não foram debatidos com a categoria e que ferem dispositivos constitucionais como o da irredutibilidade de salários.

A Polícia Militar, através do Grupo Tático de Operações, a Guarda Municipal e o Comando de Policiamento Regional III foram acionados e estão no local. Os trabalhadores prometem pernoitar no prédio e não sair do local enquanto o projeto não for retirado de pauta e oportunizado aos representantes da categoria e seu sindicato a possibilidade de propor mudanças nos projetos de leis.

Os projetos também visam a redução na gratificação de nível superior, o fim das horas de planejamento, a redução da gratificação de magistério, a redução no percentual nas referências das tabelas salariais dentre outros que causam redução imediata nos salários dos(as) educadores(as).

O prefeito também propõe o encerramento do calendário letivo antes deste completar os 200 dias estabelecidos pela LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional / Lei n° 9.394/96).

Fonte: Sintepp


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Siga-nos no INSTAGRAM
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail
Tags

*

Top