fbpx

Brasil sacudido pela defesa da democracia, contra o golpe e o ajuste fiscal: a saída é pela esquerda

Cerca de 100 mil pessoas são aguardadas em Brasília contra o golpe, o ódio, a intolerância e as saídas  que a direita e o grande capital querem impor ao Brasil.

Trabalhadoras e trabalhadores, jovens,mulheres e crianças, lideranças sociais e políticas, além de centenas de artistas e intelectuais e demais setores progressistas tornarão Brasília hoje território da defesa da democracia e dos direitos sociais.

Entre os artistas confirmados estão Letícia Sabatella, Osmar Prado, Otto, Ziraldo, Leci Brandão, Zélia Duncan, Gog, Geraldo Azevedo, Cristina Pereira, Tássia Camargo, Fred 04, Elisa Lucinda, entre outros.

A marcha sai às 17h, mas as atividades culturais começam às 13h no estádio Mané Garrincha.

Dia 31 de março entrará pela segunda vez para a história do Brasil. Desta vez como o dia em que se avançou na derrota do golpe da direita e do grande capital.

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top