Bancários paralisam 10 agências do BB em Santos

Compartilhe

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Santos e Região e os funcionários do Banco do Brasil (BB), que integram o PSO – Plataforma de Suporte Operacional em Santos, paralisaram 10 agências do Banco do Brasil, das 10h às 11h, nesta sexta-feira,12/02.

“A paralisação é uma advertência dos funcionários organizados pelo Sindicato contra o corte de vagas no PSO/Santos, pela restruturação implantada unilateralmente pela diretoria do BB. Estão sujeitos a cortes: vagas de gerentes, além de caixa e escriturário”, segundo Eneida Koury, secretária geral do Sindicato e funcionária do BB.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

De acordo com Eneida, em Santos há um déficit de trabalhadores. A reestruturação e os cortes, além de diminuir a ascensão dos bancários da região na carreira, incentiva ao acúmulo de função e a má prestação de serviços à população.

A manifestação teve início, às 8h, na maior unidade do banco na Baixada Santista, o BB/Santos, na rua XV de Novembro, 195, no centro da cidade. Conforme o tempo passava, os bancários das unidades do BB/Nova Noroeste, BB/Porto, BB/Boqueirão, BB/Galeão Carvalhal, BB/Embaré, BB/Santista, BB/Vila Mathias, BB/Gonzaga e BB/Oswaldo Cruz aderiram a manifestação contra os corte de vagas.

“O funcionalismo mostrou sua garra e paralisou com sucesso as 10 unidades de Santos, todos estão de parabéns. Agora vamos nos organizar para defender os direitos dos trabalhadores contra o acúmulo de função, as más condições de trabalho e o assédio moral que certamente aumentará com a reestruturação imposta pelo BB”, define Eneida.

Bancarios Santos 020_02p

Fonte: Sindicato dos Bancários de Santos e região

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
Intersindical no 18° Congresso Sindical. Mundial, em Roma (Itália)
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
SindSaúde-SC na luta pelo Piso Nacional da Enfermagem
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Edson Índio, Secretário Geral da Intersindical, no 1º de Maio em SP
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários