Bancários da Baixada Santista aprovam Greve Geral dia 28 de abril

Compartilhe

Em assembleia, categoria decidiu deflagrar greve contra aprovação da Terceirização irrestrita, o desmonte da Previdência e a “reforma” trabalhista

Reunidos em assembleia na noite desta segunda-feira, 17, bancários e bancárias da Baixada Santista aprovaram a deflagração de Greve Geral no próximo dia 28 de abril. A categoria se junta a diversos setores para parar o Brasil contra a aprovação da terceirização irrestrita, o desmonte da Previdência e a reforma trabalhista.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

“O governo quer acabar com a chance das pessoas se aposentarem e arrancar outros direitos com a terceirização e mudanças nas leis trabalhistas. Vamos parar o Brasil para a população não ter que morrer trabalhando”, afirma o secretário geral do Sindicato dos Bancários de Santos e Região, Ricardo Saraiva Big.

“A luta é para garantir a manutenção de direitos históricos como férias, jornada de trabalho decente e saber quanto o trabalhador irá receber no final do mês. Muitas conquistas estão em sério risco de acabar para beneficiar banqueiros e grandes empresários”, afirma Eneida Koury, presidente do Sindicato dos Bancários de Santos e Região.  

É hora de lutar com unhas e dentes pelo direito de se aposentar e a manutenção dos empregos! Todos e todas nas ruas no dia 28 de abril!

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

Edson Índio, na Conferência Nacional dos Bancários
Edson Índio, na Conferência Nacional dos Bancários
Mané Gabeira, na Conferência Nacional dos Bancários
Mané Gabeira, na Conferência Nacional dos Bancários
Rita Lima, na Abertura dos Congressos dos Bancos Públicos
Rita Lima, na Abertura dos Congressos dos Bancos Públicos
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários