Bancários aprovam por unanimidade proposta de minuta

Bancários aprovam por unanimidade proposta de minuta

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Bancárias e bancários capixabas aprovaram na manhã deste domingo a proposta de minuta de reivindicações da Campanha Salarial 2015. Defesa da jornada de seis horas, melhores condições de trabalho e o fim da terceirização são alguns dos principais eixos propostos. O V Congresso Estadual teve início na última sexta-feira, 26, e reuniu bancários e bancárias de bancos públicos e privados do Espírito Santo.

A proposta de índice aprovada foi de 25,55%, sendo 9,17% referentes à inflação estimada do período (setembro de 2014 e agosto de 2015), e 15% referentes à lucratividade dos bancos e à rentabilidade dos seus patrimônios líquidos. Para a PLR, a defesa é de 25% distribuído linearmente para todos os bancários.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

O Congresso também tirou como eixo político a defesa da auditoria da dívida pública brasileira e a ratificação da Convenção 158 da Organização Internacional do Trabalho (OIT). As propostas aprovadas no Congresso Estadual serão encaminhadas para a Conferência Regional dos bancários do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, que acontece no próximo dia 04 de julho, em Macaé. Caso sejam aprovadas, seguem para a Conferência Nacional da categoria.

A proposta de minuta foi aprovada por unanimidade pelo plenário. “Pela participação efetiva dos bancários e bancárias no Congresso, tenho certeza de que faremos uma Campanha Salarial organizada e forte, apesar da atual conjuntura de crise econômica”, destaca o coordenador geral do Sindibancários/ES, Jessé Alvarenga.

Confira os eixos da Campanha:

  • Índice do reajuste de 25,55%
  • PLR Linear de 25% para todos os bancários
  • Piso do Dieese
  • Promoção de igualdade de oportunidades
  • Defesa da jornada de 6 horas
  • Fim das metas
  • Reposição das perdas salariais
  • Defesa do emprego
  • Saúde do trabalhador
  • Segurança bancária
  • Isonomia
  • Ampliação imediata do número de empregados
  • Estatização do Sistema Financeiro
  • Auditoria da Dívida Pública
  • Ratificação da Convenção 158 da OIT
  • Arquivamento do PL 4330 (PLS 30/2015)

Famílias

O V Congresso Estadual da categoria também teve o envolvimento de muitas famílias.  No evento, foi garantida a creche para crianças de 03 a 10 anos e no caso de crianças abaixo de três anos, os bancários tiveram direito de levar uma babá ou um familiar para auxiliar no cuidado com a criança.

Bancário do BB, Francisco Betini Intra participou do Congresso pela primeira vez e trouxe a esposa e a filha, de um ano. “Esse é um importante espaço para discutir as reivindicações da categoria e também de confraternização com nossos colegas. Poder trazer a família foi a melhor coisa, pois minha esposa acaba interagindo  com meus amigos e conhece um pouco mais do meu trabalho”, destacou.

Para Alba Francisco, esposa de Betini, estar no Congresso com a filha garantiu que a família ficasse junta “O Congresso é um espaço importante para ele e nossa vinda permitiu que ele participasse  dos debates e também que ficássemos juntos”.

Fonte: Sindicato dos Bancários do Espírito Santo

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários