Participe da assembleia geral dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza

Participe da assembleia geral dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Fortaleza

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

O Sindifort convoca todos os servidores e servidoras públicas do município de Fortaleza a participarem, na terça-feira, 29 de novembro, a partir das 8h30, da Assembleia Geral Unificada, que vai debater e aprovar os pontos de pauta da Campanha Salarial 2017.

A assembleia será realizada no Auditório do Sindifort, que fica na Rua 24 de Maio, Nº 1188, no Centro. O objetivo é definir as reivindicações a serem discutidas com a Prefeitura, bem como estabelecer percentuais, prazos e metas de negociação. Pretendemos priorizar o diálogo em torno do reajuste com ganho real, da manutenção e melhoria da qualidade dos serviços prestados pelo IPM-Saúde e da valorização do servidor com o fim da terceirização e a realização de concursos públicos.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

Nesta campanha, também temos de enfrentar os ataques do governo Temer. Principalmente a PEC 55 (antiga 241) que, entre outros absurdos, congela o salários dos servidores públicos, corta os gastos com saúde, educação e moradia por 20 anos. Temer também quer aprovar de imediato a reforma previdenciária, a ser encaminhada ainda este ano para o Congresso Nacional. A proposta deve igualar a idade para aposentadoria para homens e mulheres em 65 anos, voltar a cobrar previdência dos aposentados e aumentar em 14% a contribuição dos trabalhadores.

Considerando isso, precisamos nos mobilizar com mais força na campanha salarial de 2017. Vamos dar um basta aos ataques a nossos direitos e mostrar que queremos reajuste mais ganho real, não aceitando o parcelamento do mesmo, como aconteceu este ano.

Reajuste Salarial e nenhum ataque aos direitos! #ForaTemer

Mesmo com mobilizações e tentativas de negociação junto à Prefeitura Municipal de Fortaleza entre o final do ano de 2015 e o início de 2016, a nossa pauta foi desrespeitada por imposição do prefeito Roberto Cláudio. Estamos com perdas salariais que remontam a maio de 2008 e em 2016, o reajuste aprovado, sob protesto dos servidores, foi de 2% em março, com retroatividade à data base de 1º de janeiro e mais 8,5% que vai ser pago na folha de dezembro, sem retroatividade alguma. Somando as parcelas do reajuste, temos 10,67%, o que equivale a inflação nacional de 2015, pelo IPCA. Acontece que passamos todo o ano de 2016 apenas com 2% de reajuste e Fortaleza foi uma das capitais com maior alta de preços no Brasil.

IPM-Saúde

Os problemas com a prestação de serviços pelo IPM-Saúde vêm de longa data, inclusive com a tentativa de privatização dos serviços feita pelo prefeito Roberto Cláudio em 2013, que foi barrada pelo Sindifort. Em 2016, com a contratação da empresa Haptech, os problemas se intensificaram. Estão ocorrendo restrições do número de consultas e a não autorização de exames e cirurgias.
O Sindifort já conseguiu na justiça o atendimento para servidores em casos urgentes e denunciou o caso ao Ministério Público, através da Promotoria de Saúde e Promotoria de Defesa do Consumidor. Mas precisamos fazer mais. Não podemos aceitar a restrição dos serviços, que pode resultar na privatização ou até no fim do IPM-Saúde.

Pautas:

– Reajuste Salarial + reposição das perdas salariais;
– Aporte financeiro pela PMF para o IPM-Saúde de 4% para 6%;
– Fim da terceirização com realização de concurso público;
– Fim do Assédio Moral na PMF, com a instituição das comissões setoriais do combate ao assédio moral;
– Contra a PEC 55 (241);
– Contra Reforma da Previdência;
– Contra a Reforma Trabalhista;
– Pelo direito à livre manisfestação, assegurado o direito de greve.

sindifort-0037_01

Fonte: Sindifort

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on email

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

2 de outubro FORA BOLSONARO
2 de outubro FORA BOLSONARO
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
Nilza Pereira: Unidade é a chave para derrotar Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
100 mil na Paulista pelo Fora Bolsonaro
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários