fbpx

300 servidores lotam assembleia na Praça Sant’anna, em Vinhedo

Servidores conquistam aumento de cerca de 9%. Se o aumento não for em todas as cláusulas econômicas, servidores entrarão em greve na terça-feira.

Ontem dia 28 de abril, o Sindicato dos Servidores de Vinhedo se reuniu pela manhã com a Prefeitura para a negociação, dentro da Campanha Salarial de 2016. A Administração Municipal já havia feito uma proposta ofensiva para a categoria, onde propunha repor a inflação apenas dos quatro últimos meses, o que chegaria a cerca de 3%.

A proposta causou muita revolta entre os Servidores, que se mobilizaram toda a semana para a possibilidade de deflagração de uma greve. Preocupados com esta reação, a Prefeitura apresentou uma nova proposta, minutos antes da Assembleia Geral, que já estava marcada para decidir sobre os rumos do movimento. Neste novo documento, apresentou o reajuste com base na inflação dos últimos 12 meses, algo que estará por volta de 9%. No entanto, eles não deixaram claro se o aumento estaria também em todos as cláusulas econômicas (cartão-mercado, tíquete-refeição, auxílio-transporte).

Ás 18 horas do mesmo dia 28, cerca de 300 servidores compareceram à Assembleia Geral da categoria, mesmo com todo o frio. Foi uma das maiores assembleia nos últimos anos em Vinhedo. Depois de lerem o documento, os presentes decidiram:

– Aceitar a proposta de aumento salarial.

– Indagar a Prefeitura se aumento será em todas as cláusulas. Do contrário, É GREVE!!!

O Sindicato já enviou um oficio à Prefeitura pedindo esclarecimentos. Caso se confirme que o aumento não incluirá as cláusulas econômicas:

É greve, a partir da 5 da manhã dia terça-feira, dia 3 de maio! Concentração com café-da-manhã, no sindicato.

A proposta da Prefeitura pode ser lida no link: https://sessao.files.wordpress.com/…/proposta-prefeitura.pdf

Servidores 4

ACHOU ESSA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?Inscreva-se para receber nossas atualizações em seu e-mail

*

Top