Todo apoio aos trabalhadores do Acampamento Hugo Chaves

Todo apoio aos trabalhadores do Acampamento Hugo Chaves

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora repudia, com veemência, a omissão criminosa do Estado diante dos pistoleiros contratados pelo agronegócio na Fazenda Santa Tereza, no município de Marabá , no sudoeste do Pará.

Nos últimos dias, as 300 famílias do Acampamento Hugo Chaves vêm sofrendo uma série de ameaças e violências, como incêndio criminoso das suas lavouras e disparos de tiros de arma de fogo. Todos sabem o desfecho dessas ações dos fazendeiros e do agronegócio, como vêm ocorrendo sistematicamente na região, com assassinato de trabalhadores rurais.   

Estendemos nossa solidariedade ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), que bravamente organiza as famílias na luta pelo direito à terra em nosso país injusto e concentrador.

Ao tempo em que exigimos punição aos fazendeiros e seus capangas, nos solidarizamos com os trabalhadores rurais sem terra desse nosso Brasil injusto, concentrador de terras e assassínio dos pobres.

Chamamos todas as organizações populares e democráticas a se posicionarem ao lado dos trabalhadores que lutam por reforma agrária, no Pará e no Brasil.

São Paulo, 17 de julho de 2017
Direção Nacional da Intersindical Central da Classe Trabalhadora


INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se aqui em nosso canal no YouTube

Postagens Relacionadas

*

Top